20 de junho de 2024

CACELLAIN OLIMPÍADAS COPA DO MUNDO JOGOS AO VIVO

Olimpíadas, Prognósticos, palpites de futebol ESCALAÇÕES E NOTÍCIAS, Prognósticos, palpites de futebol ESCALAÇÕES E NOTÍCIAS Blog do Apostador on-line, dedicado a dicas das melhores casas de apostas, prognósticos e palpites de partidas de futebol no Brasil e Mundo

Museu da Língua Portuguesa realiza clube de leitura e feira de troca de livros

4 min read

Os livros doados ficarão disponíveis para troca ou serão oferecidos a pessoas em situação de vulnerabilidade

O mês de abril marca a estreia de duas atividades no Museu da Língua Portuguesainstituição da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo, relacionadas ao universo da literatura. A partir desse mês, a instituição passará a promover uma feira de troca de livros e também um clube de leitura, atendendo a um pedido antigo do público. A primeira edição das duas ações acontecem no dia 13 de abril de forma presencial e gratuita.

Clube de leitura

Intitulado em 2024 “Papo Literário: narrativas negras em língua portuguesa”, o clube de leitura terá como objetivo, neste ano, destacar livros de autores negros na língua portuguesa e promover o debate em torno dessas obras. Serão oito encontros, sendo um por mês, até novembro.

A assistente social e mediadora de leituras, Camilla Dias, do perfil @camillaeseuslivros no Instagram, é a curadora deste ano. Integrante dos coletivos Lendo Escritores Negros-Brasileiros e Leituras Decoloniais, ela selecionou livros relacionados ao tema Línguas Africanas no Brasil, o mesmo da próxima exposição temporária do Museu.

A cada edição, um escritor convidado mediará a conversa em torno de um livro e um tema específico. Na primeira, das 11h às 13h, no Saguão B do Museu, a autora Juliana Borges vai falar sobre a obra Luanda, Lisboa, Paraíso (Companhia das Letras), de Djaimilia Pereira de Almeida. O tema do debate será “Descolonização e pertencimento na literatura de Djaimilia Pereira de Almeida”.

Confira abaixo o calendário dos próximos livros que serão tema do Papo Literário: 

11 de maioMata Doce, de Luciany Aparecida. Mediação de Jarid Arraes.
15 de junho: Minha pátria é a língua pretuguesa, de Kalaf Epalanga. Mediação de Allan da Rosa.
13 de julho: Poemas da recordação e outros movimentos, de Conceição Evaristo. Mediação de Lubi Prates.
10 de agosto: Menina Bonita do Laço de fita, de Ana Maria Machado; Preta-Pretinha, de Rose Chiappa; Os mil cabelos de Ritinha, de Paloma Monteiro; e Manual de penteado para crianças negras, de Joana Gabriela Mendes e Mari Santos. Mediação de Luciana Bento, do Quilombo Literário.
14 de setembro: Marinheira no Mundo, de Ruth Guimarães. Mediação de Cidinha da Silva.
19 de outubro: Uma chance de continuarmos assim, de Taiasmin Ohnmacht. Mediação de Isa e Pétala, do Afrofuturas.
23 de novembro: Solitária, de Eliana Alves Cruz. Mediação de Camilla Dias.

O Papo Literário: Narrativas negras em língua portuguesa é organizado pelo Centro de Referência do Museu da Língua Portuguesa.

Troca de Livros

O dia 13 de abril também marca a estreia da Feira de Troca de Livros, que tem como objetivo proporcionar um espaço de encontro por meio do livro e da literatura e ainda incentivar a leitura. O evento acontecerá das 14h às 17h, no Saguão e Pátio B e na Calçada do Museu.

A cada edição da feira, os participantes serão estimulados a doar seus livros para o Museu, pois, a cada livro doado, ganharão um ingresso para visitar a instituição até o dia 29 de dezembro de 2024, tendo um limite de quatro ingressos por pessoa. Serão aceitos livros, em bom estado, de literatura infantil, infanto-juvenil e adulta nos gêneros poesia, ficção, histórias em quadrinhos, zine, cordéis, biografias, autobiografias, ensaios e arte.

Os livros doados ficarão disponíveis para troca ou serão oferecidos a pessoas em situação de vulnerabilidade. Com esta atitude, o Museu pretende tornar a feira um evento acolhedor e acessível a todos os públicos. Quem estiver presente na feira também poderá realizar as trocas de seus livros entre si, sem a intermediação da equipe do Museu.

Outras ações vão acontecer durante a Feira de Troca de Livros. Sob comando do coletivo Itinerância Poética, a “Roda de Saberes” consiste em uma conversa sobre publicações independentes, estímulo à leitura e estratégia de facilitação de acesso aos livros. No “Leia e Leve”, o Núcleo Educativo do Museu fará mediação de leituras. Já o programa “De Mão em Mão”, da Coordenação do Sistema Municipal de Bibliotecas, irá distribuir gratuitamente livros na calçada do Museu com o objetivo de fomentar e incentivar a leitura.

A Feira de Troca de Livros é organizada pelo Programa de Articulação Social do Museu em parceria com os coletivos Itinerância Poética e Palestinos e o Sistema Municipal de Bibliotecas da Prefeitura de São Paulo. O Centro de Referência e o Núcleo Educativo do Museu da Língua Portuguesa também integram a iniciativa.

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp:
https://bit.ly/govspnozap

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *