23 de junho de 2024

CACELLAIN OLIMPÍADAS COPA DO MUNDO JOGOS AO VIVO

Olimpíadas, Prognósticos, palpites de futebol ESCALAÇÕES E NOTÍCIAS, Prognósticos, palpites de futebol ESCALAÇÕES E NOTÍCIAS Blog do Apostador on-line, dedicado a dicas das melhores casas de apostas, prognósticos e palpites de partidas de futebol no Brasil e Mundo

Agência Minas Gerais | Governo de Minas abre Semana do Meio Ambiente com inauguração de sala de situação contra desmatamento e parceria para agenda climática

4 min read

Com o tema “Restauração da Terra e Resiliência às Mudanças Climáticas”, a Semana do Meio Ambiente foi oficialmente aberta nesta segunda-feira (3/6) pelo Governo de Minas.

Entre os anúncios realizados por meio do Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema) estão a inauguração das Salas de Inteligência e de Situação de Combate ao Desmatamento, além de parceria firmada para reforçar a agenda climática no estado.

Presente na abertura, o vice-governador Professor Mateus destacou o compromisso e o trabalho do Governo de Minas para a preservação ambiental. 

 








 
 
   
   


O vice-governador também ressaltou a posição de Minas na corrida contra o desmatamento e nas ações para plantio de mudas e espécies nativas.

“Fico feliz, por exemplo, em saber que Minas Gerais está à frente em árvores plantadas entre outros estados do país. Então, a gente leva o meio ambiente muito a sério”, disse.

Já a secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), Marília Melo, destacou a redução do desmatamento em 57% do bioma Mata Atlântica em Minas Gerais, segundo o SOS Mata Atlântica. Esse dado, de acordo com Marília, reforça o compromisso do Governo de Minas com o desenvolvimento sustentável.

Ações efetivas

Na solenidade realizada no Auditório Paulo Camilo, na sede do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), em Belo Horizonte, também foi assinado um Acordo de Cooperação Técnica com o Laboratório Observatório do Clima. 

O termo confirma a adesão de Minas à plataforma Sistema de Estimativa de Emissões de Gases (Seeg) para a automatização do inventário de emissões e remoções antrópicas do estado, fundamental para o avanço das ações rumo à neutralidade de emissões de carbono.

Outro lançamento deu ênfase ao Tratado da Mata Atlântica, que prevê o plantio de 7 milhões de mudas de espécies nativas do bioma Mata Atlântica no território mineiro até o final de 2026, sendo 100 milhões de mudas em todo o Sul e Sudeste brasileiros, conforme acordo assinado com Estados que integram o Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud).

Integração

No evento desta segunda, a secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) apresentou o Painel de Monitoramento e a inclusão da camada que retrata o andamento do cumprimento do acordo na plataforma de dados espaciais IDE Sisema. 

No acordo assinado com estados que integram o Cosud, a meta é que sejam plantadas, ao todo, 100 milhões de mudas.

A abertura da Semana do Meio Ambiente contou, também, com a entrega de kits do Programa Minas Contra o Fogo para 22 municípios mineiros. O material, que será repassado para as brigadas municipais, possui equipamentos de proteção individual e de combate a incêndios florestais.

Outros dois destaques marcaram o início da programação da Sema: a formalização de parceria com o Ministério Público (MPMG) para a integração do Programa Conheça seu Amigo ao Prodevida, fortalecendo ações voltadas para a fauna doméstica; e a assinatura do Acordo de Cooperação Técnica para parceria de gestão no Parque Estadual do Pau Furado, entre Instituto Estadual de Florestas (IEF) e a OSC Associação para a Gestão Socioambiental do Triângulo Mineiro (Angá), selecionada por meio do edital de chamamento público. 

Após solenidade oficial com a presença de autoridades e parceiros, foi realizado o seminário “Minas Rumo à Circularidade”, que apresentou avanços e desafios da implementação da gestão de resíduos sólidos e da economia circular no estado e encerramento de lixões.

Fiscalização ambiental 

Minas Gerais é o primeiro estado brasileiro a adotar abordagem inovadora no enfrentamento aos crimes ambientais, integrando atividades de inteligência à fiscalização ambiental. 

As ações contra esses ilícitos contam, agora, com investigações aprofundadas, por meio de compartilhamento de informações e métodos analíticos, em atuação com outros órgãos

Nesse sentido, foi inaugurada a Sala de Situação de Combate ao Desmatamento e Carvão Ilegais de Minas Gerais. 

A estrutura é um centro de monitoramento com computadores de grande capacidade de processamento, painéis de vídeo e equipe dedicada a supervisionar ocorrências de desmatamento e de irregularidades na cadeia do carvão vegetal. 

Por meio desse dispositivo, a Semad espera reunir, entre outros objetivos, dados de ocorrência de desmatamento, alterações na cobertura da vegetação nativa e gerar informações indicativas das áreas sob pressão de desmatamento ilegal. 

“Em 2023, foram mais de 52 mil ações fiscalizatórias. O resultado foi a redução do desmatamento dos biomas Mata Atlântica e Cerrado. Minas Gerais também investiu recursos no aparato operacional, tanto em tecnologia quanto em logística”, ressaltou o subsecretário de Fiscalização Ambiental da Semad, Alexandre Leal.

 








 
 
   
   

 

  • A programação completa da Semana do Meio Ambiente 2024 está disponível para consulta clicando aqui.