13 de junho de 2024

CACELLAIN OLIMPÍADAS COPA DO MUNDO JOGOS AO VIVO

Olimpíadas, Prognósticos, palpites de futebol ESCALAÇÕES E NOTÍCIAS, Prognósticos, palpites de futebol ESCALAÇÕES E NOTÍCIAS Blog do Apostador on-line, dedicado a dicas das melhores casas de apostas, prognósticos e palpites de partidas de futebol no Brasil e Mundo

Potencializando o Saber Artístico dos Educadores do Projeto Arte e Cultura da REME – CGNotícias

3 min read

Na busca contínua por excelência educacional, a IIª FACULT – Formação Continuada dos Professores do Projeto Arte e Cultura da Rede Municipal de Ensino (REME), traz inspiração e aprimoramento aos profissionais. A formação é uma realização da Prefeitura Municipal de Campo Grande através da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), por meio da Divisão de Esporte, Arte e Cultura (DEAC).

Conforme a Semed, o objetivo primordial é ampliar o diálogo entre docentes da Reme e experts das diversas linguagens artísticas, oferecendo subsídios técnicos e pedagógicos para enriquecer suas técnicas e promover discussões de práticas pedagógicas inovadoras, abarcando as linguagens artísticas do Teatro, Dança, Música, Circo, Artes Visuais, Contação de Histórias e Audiovisual.

O secretário municipal de Educação, Lucas Henrique Bitencourt, ressalta a importância da arte para o desenvolvimento educacional infanto-juvenil. “Através da arte e da cultura conseguimos aproximar ainda mais esses alunos que poderiam estar vulneráveis, e desta forma, proporcionar de fato o que é a arte, o que é a cultura, valorizando a sua própria identidade e dentro da sua identidade trazer quem ele é quanto pessoa. Esse é o nosso principal objetivo, despertar e potencializar o que cada aluno tem de melhor”, destaca.

A IIª Facult começou na noite de ontem (18) e segue até sexta-feira (22), e conta com duas novas modalidades no currículo da REME. “A cada ano a gente inova para incentivar os professores a trabalhar com os nossos alunos. A novidade deste ano é a musicalização e a contação de histórias para atender as Escolas de Educação Infantil (EMEIs) e assim trabalhar com o lúdico, cognitivo, criatividade e a parte sensorial dos estudantes”, relata a Técnica de Audiovisual, Teatro e Circo da DEAC, Rosanir Mendes.

“O propósito maior desta iniciativa é oportunizar o desenvolvimento através do compartilhamento de saberes, advindos de profissionais qualificados em suas respectivas áreas. Estas experiências potentes não apenas nutrem o ofício dos arte-educadores, mas também repercutem na comunidade escolar. São momentos de intersecção entre teoria e prática, onde a excelência se faz presente, impulsionando o constante aprimoramento do ensino artístico na Reme”, acrescenta a superintendente de Políticas Educacionais da Semed, Ana Dorsa.

Bryan Coronel Morales, maestro há dez anos, em banda marcial, está iniciando um novo desafio na Reme como professor na banda de percussão. Ele fala de como a música mudou a sua história. “Perdi meu pai quando eu era criança e por conta disso desenvolvi ansiedade, depressão, queria fugir de tudo, foi quando conheci a música, através de um projeto, e foi a música que me ajudou no momento mais difícil da minha vida. Com ela consegui expressar as minhas emoções, fazer amigos para a vida, expandiu os meus horizontes e me deu uma profissão”, conta.

Bryan foi apresentado à música pelo maestro Wander Gomes, em um projeto voluntário. Hoje, ambos são professores da Reme.

Professor de música há 27 anos e na Rede há 18 anos, Wander, fala do quão gratificante é fazer parte de vidas que são transformadas através da arte. “A arte da música, do teatro da dança a cultura como um todo é de suma relevância, porque tira os jovens do mundo ocioso, das drogas e muda histórias.  Através da música podemos contribuir na transformação de vidas, e poder contribuir na formação de cidadãos de bem”, enfatiza o maestro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não perca