O CLUBE QUE ASSOMBROU O FOOT-BALL DA CIDADE

Sexta-feira 8 de Novembro de 1918. Nesta  data foi fundado em Joinville, um clube de futebol, que ganhou o estranho nome de Vampiros Foot-Ball Club.

A escolha do nome certamente foi dada em referencia a um filme francês, que virou um clássico do cinema mudo, cujo nome original era Les Vampires. Produzido em 1915 e exibido em Santa Catarina em 1916 e 1917 com grande sucesso, pode ser considerado o primeiro filme em série da história do cinema, pois, devido a sua duração de mais de seis horas, nada menos que 10 sessões foram realizadas para que os espectadores pudessem ve-lo por completo. A história envolvia um repórter e seu leal amigo que lutam contra uma sociedade bizarra de criminosos conhecida como Os Vampiros, que eram ladrões e assassinos mestres, hábeis em combate, infiltração e até mesmo hipnotismo. Vestiam-se em colãs pretas apertadas e máscaras ninja. Esse grupo era comandado por Mestres Vampiros e por Irma Vep e ao longo da história muitas reviravoltas acontecem: personagens mortos voltam à vida, pilares da sociedade tradicional provam ser vampiros e também vampiros se revelam agentes policiais.

Convem salientar que Joinville, nesta época, era uma cidade muito provinciana, com poucas opções de diversão e muito atrasada em relação ás novidades da época, logo, a exibição de um filme de tamanha repercussão e com tantos aspectos de suspense e ficção, causou alvoroço entre os jovens da época.

CARTAZ DO FILME ‘OS VAMPIROS’

Publicado no jornal ‘O Commercio’, de Itajahy.

Curiosamente o nome Vampiros apareceu no noticiário esportivo joinvillense antes mesmo de sua fundação oficial, mais precisamente num jogo que seria realizado em 06 de Outubro de 1918, no campo do América, na Rua do Mercado, diante de um time com um nome bem mais estranho que o seu: Mamarracho.  O resultado deste jogo não foi divulgado pelos jornais da cidade, mas acredita-se que não só foi realizado, como serviu para selar definitivamente a ideia da criação de um novo clube de futebol na cidade.

É bem possível que o Vampiros não tenha realizado apenas este jogo, mas diversos outros antes de ser fundado de forma oficial. Esta era uma pratica comum entre os futebolistas desta época: montar times combinados para jogos específicos e à medida que estes combinados conquistavam bons resultados perduravam por mais jogos, até serem convertidos em clubes devidamente organizados.

As cores e o escudo escolhido para o novo clube não podiam ser mais apropriados, tendo em vista o seu nome. Camisas, calções e meias, totalmente pretas e um enorme morcego desenhado na altura do peito, com as iniciais V.F.B.C. logo abaixo, davam um tom bem sombrio ao time, que antes mesmo de entrar em campo, já assustava os seus adversários.

O ano de 1918 foi bem modesto para o Vampiros Foot-Ball Club, que fora o jogo anunciado contra o Mamarracho, em Outubro, não foi mencionado uma única vez pelos jornais da cidade. Acredita-se que nestes primeiros meses, o clube limitou-se a fazer jogos contra times combinados de menor expressão no futebol da cidade.

Aos poucos, com a incorporação de jogadores de melhor categoria, o clube foi ganhando força, ao ponto de em 1919, tornar-se um dos principais clubes de futebol da cidade, ameaçando seriamente o poderio do América.

Um dos principais fatores para o clube alcançar sucesso de forma tão meteórica, foi o fato de aceitar a presença de jogadores negros, coisa que nenhum outro clube havia feito até então na cidade. America, Americano, Joinvillense e o extinto Teutonia eram constituídos exclusivamente por integrantes da elite local, ou seja, descendentes de europeus e portugueses. O União Faz a Força, time do exército, seria outro que poderia ter aberto o seu time para receber jogadores negros, mas na prática, não foi o que aconteceu.

O Vampiros Foot-Ball Club durou somente durante o ano de 1919. Em 1920 mudou seu nome para Operário Foot-Ball Club, comprovando que era um clube de origem humilde, composto por trabalhadores da florescente industrial local.

Muitas publicações consideram que uma fusão entre Vampiros e Teutonia deu origem ao Caxias Futebol Clube, informação confirmada até pelo próprio clube caxiense. Apesar de repetida diversas vezes, é importante ressaltar que esta informação não procede, uma vez que tanto Vampiros quanto Teutonia já estavam extintos quando foi fundado em Caxias Futebol Clube, em 12 de Outubro de 1920.

TIME DO VAMPIROS F.C.

  3 Responses to “VAMPIROS FOOT-BALL CLUB DE JOINVILLE/SC”

  1. Valeu Sergio e Virginio!

  2. Quando eu falo: “Quero sangue”… É esse tipo de postagem!! rs

    Show de meu amigo Cícero!!

    Assinado: Drácula! rs

  3. Parabéns pela raridade, Cícero.

   
© 2017 História do Futebol Suffusion theme by Sayontan Sinha