HÁ 60 ANOS NASCIA O EXPRESSO DA VITÓRIA
[img:expresso_da_vit__ria.JPG,thumb,vazio]
As manchetes do jornal dos Sports de 15 de março de 1948 eram as seguintes: “Recebamos os vascaínos como autênticos heróis de uma jornada sem precedentes”; “Partiram para a vitória e venceram!”; “Que todos acorram ao aeroporto!”; “Vozes do esporte louvam a conquista sensacional”; “No Galeão às 17,30 e no aeroporto uma hora depois”.

O motivo: o Clube de Regatas Vasco da Gama conquistava há 60 anos o primeiro título internacional de um clube brasileiro. E o fez de forma invicta. No peito, na raça e numa disputa de pontos corridos.

Depois do Trem da Vitória, equipe bi-campeã carioca em 1930 (em 1931 esse time chegou a aplicar um 7×0 no Flamengo), nascia e ficava pra sempre na história do Vasco o Expresso da Vitória.

HOMENAGENS

“A vitória não é só dos vascaínos. É do desporto brasileiro.”

(João Lyra Filho, Presidente do Conselho Nacional de Desportos, o CND, na época a instância máxima do esporte brasileiro)

“Tenho o maior prazer de felicitar os esportistas brasileiros por tanto denodo, perseverança e disciplina que elevaram o nome do esporte nacional, levantando com justiça o título de campeão sul-americano.”

(General Ângelo Mendes de Morais, Prefeito do Distrito Federal – na época o Rio de Janeiro ainda era a capital do Brasil)

“A ABI – Associação Brasileira de Imprensa -, sempre atenta a todas as festas que assinalam tanto os triunfos da inteligência como os da vida desportiva na sua mais alta expressão, não pode deixar de compartilhar com o maior entusiasmo das manifestações vibrantes do regosijo público pela vitória grandiosa que vem de alcançar denodadamente o grêmio da Cruz de Malta nesta parte do hemisfério, conquistando o título de campeão invicto num certame glorioso de campeões. Esse acontecimento equivale à consagração de nossa indisputada primazia no esporte continental.”

(Herbert Moses, Presidente da Associação Brasileira de Imprensa – ABI)

O RECONHECIMENTO DA CONMEBOL

No início de 1996, o Comitê Executivo da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) reconheceu o Vasco como primeiro campeão sul-americano de clubes. A decisão só não foi unânime porque o representante do Flamengo, Michel Assef, votou contra o reconhecimento.

A oficialização do título de 1948 por parte da entidade máxima do futebol na América do Sul elevou o Gigante da Colina à condição de primeiro clube do mundo a ter conquistado um campeonato continental oficial, uma vez que as competições similares em outros continentes só começaram a ser realizadas na década de 1950.

O Vasco ganhou também o direito de participar da Supercopa, torneio então restrito aos clubes vencedores da Taça Libertadores da América. Jogou a edição de 1997, em que foi eliminado curiosamente pelo River Plate. Em 1998 – ano em que o Vasco ganhou a Libertadores -, a Supercopa fui substituída pela Copa Mercosul. O Vasco disputou todas as edições da nova competição e conquistou-a brilhantemente em 2000, levantando assim seu terceiro título sul-americano oficial.

A CAMPANHA
Vasco 2×1 Litoral (BOl)
Vasco 4×1 Nacional (Uru)
Vasco 4×0 Municipal
Vasco 1×0 Emelec (Equ)
Vasco 1×1 Colo Colo (Chi)
Vasco 0×0 River Plate (Arg)

OS HERÓIS:

- Goleiros: Barbosa e Barcheta
- Zagueiros: Augusto, Wilson e Rafagnelli
- Médios: Ely, Danilo, Jorge e Moacir
- Atacantes: Nestor, Djalma, Maneca, Lelé, Friaça, Dimas, Ademir “Queixada” Menezes, Ismael e Chico

FONTE:http://6858kmdefutebol.blogspot.com/2008/03/h-60-anos-atrs-nascia-o-expresso-da.html

  3 Responses to “VASCO DA GAMA É O PRIMEIRO CAMPEÃO SUL-AMERICANO”

  1. Do jeito em o Vasco se encontra nos dia de hoje, dificlmente conseguirar reviver outro momente igual a este.

  2. Realmente o Expresso teve seu início em 1944 e entrou a todo “vapor” a partir de 1945. Quanto ao bicampeonato não sabia e oportuna a sua correção.
    Valeu.

  3. Oi, Gilberto!

    Tem uma informação errada,Vasco Bicampeã carioca em 1930?

    Em 1930 o campeão foi o Botafogo.

    1925 – Flamengo
    1926 – São Cristóvão
    1927 – Flamengo
    1928 – America
    1929 – Vasco
    1930 – Botafogo
    1931 – America
    1932 – Botafogo
    1933 – Botafogo e Bangu

    Por aí vai, nenhum bicampeonato no período ou próximo.

    Outro comentário, o apelido “Expresso da Vitória” já existia antes de 1948. Se pegar o Jornal dos Sports em 1945 o chargista Mollas já coloca o almirante comandando o expresso. 1948 foi uma bela coroação da grande fase vivida pelo Vasco. E colocou pra sempre o expresso na história, mas o apelido é mais antigo.

    abs,

   
© 2014 História do Futebol-Final Suffusion theme by Sayontan Sinha