No mês de fevereiro, o Jornal O Imparcial (RJ) publicou o jogador Rubens Salles desenhado. Rubens de Moraes Salles (São Manuel, 14 de outubro de 1891 – São Paulo, 21 de julho de 1934) foi um futebolista brasileiro e primeiro treinador do São Paulo Futebol Clube de 1930 a 1934.

O Imparcial (05-02-1928 – Página 10)

 Rubens Salles foi o grande “craque” do futebol brasileiro depois de Charles Miller e Arthur Friedenreich. Não levava muito jeito para o futebol, mas insistiu e acabou marcando época no futebol brasileiro como “center-half” (volante).

 Sua estreia no Paulistano foi em 1906, depois de passar pelas equipes infantis, de 1902 a 1904. Em 1907 era titular do Paulistano, e em 1908 foi campeão. Foi artilheiro do Campeonato Paulista de 1910, jogando pelo Paulistano com 10 gols.

 Sua especialidade eram os passes em profundidade, com os quais surpreendia seus adversários, o que o levou a Seleção Brasileira que enfrentou o Exeter City, e no mesmo ano, também levou a Seleção a conseguir a primeira vitória fora do país, vencendo a Argentina, em Buenos Aires, com um gol seu.

 Aos 30 anos em 1920, abandonou o futebol para voltar 11 anos depois em 1930 como técnico, dirigindo o São Paulo FC da Floresta por quatro temporadas, sendo que no segundo ano que disputou em 1931, foi campeão paulista. Como jogador foi campeão Paulista (APEA) 6 vezes: 1908, 1913, 1916, 1917, 1918 e 1919.

   
© 2019 História do Futebol Suffusion theme by Sayontan Sinha