Escudo atual

 A cidade de Diadema ganha mais um time de futebol profissional, além do CA Diadema o município agora contará com o Esporte Clube Água Santa. O clube com mais de três décadas é um dos mais tradicionais no futebol amador da cidade.

Segundo o diretor da equipe, Marcos Boccato, o clube já iniciou a sua preparação para a disputa do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, que tem previsão de início para o final deste mês (abril). Além da boa infraestrutura o diretor aponta nos torcedores a força da equipe. “Nas finais do amador tínhamos mais de 5 mil torcedores, em termos de torcida o EC Água Santa fará frente a equipes da região como o Santo André e São Bernardo”, disse Boccato.

A equipe deverá mandar seus jogos no Complexo Esportivo de Niamar, onde a prefeitura já trabalha para aumentar a capacidade seguindo as exigências da Federação Paulista de Futebol.

 

Escudo antigo

HISTÓRIA

O Esporte Clube Água Santa foi fundado em 27 de outubro de 1981 na cidade de Diadema, criado pelas mãos de migrantes nortistas, nordestinos e mineiros que vindos para estas paragens à busca de trabalho, tinham no futebol sua única forma de lazer em uma cidade á época conhecida pela alta taxa de densidade demográfica e pela violência. Nos poucos campos existentes em Diadema. O clube é o atual campeão da Divisão Especial da Liga de Futebol Amador de Diadema,

 O clube nasce profissionalmente com aproximadamente 10 mil torcedores. Depois de vencer tudo no amador, profissionalizou-se em 08 de Dezembro de 2011, dia especial para todo Diademense, já que nesta data comemora-se o aniversário da cidade e o dia da Padroeira Nossa Senhora da Conceição.

O Esporte Clube Água Santa já teve vestindo sua camisa verdadeiros ícones do futebol brasileiro como Claudecir, Zinho Capixaba, Capitão, Dinei e mais importante ainda, já formou, mesmo não tendo a classificação de “Clube formador” vários atletas em suas fileiras de base como Lelê hoje no Fortaleza, Romarinho no F.C. Porto, Fernando no Internacional de Porto Alegre, Neilton no Santos e Fabio ferreira no Botafogo carioca.

 

Fonte: http://www.jogolimpo.com/web/

   
© 2017 História do Futebol Suffusion theme by Sayontan Sinha