OLARIA AC (RIO DE JANEIRO – RJ)

4

SELEÇÃO DO LÍBANO

1

Data: 11 de abril de 1954

Local: Beirute – Líbano

Juiz: Nal Batian

Caráter: Amistoso Internacional

Gols: Moreno, Jorge, Olavo e J. Alves / Levon

Olaria(RJ): Celso; Osvaldo e Jorge; Moacir, Olavo e Ananias; Roberto, Washington, Maxwell, J. Alves e Moreno.

Seleção do Líbano: não divulgado


Fonte: Jornal dos Sports / RJ

 
BANGU AC (RIO DE JANEIRO-RJ)

4

BAYERN MUNCHEN (ALEMANHA OCIDENTAL)

0

Data: 25 de abril de 1954 Local: Munique – Alemanha Ocidental
Juiz: Caráter: Amistoso Internacional
Gols: Nivio (4)
Bangu(RJ): Jorge; Hiltoin e Torbis; J. Alves, Alaine e Edson; Xavcier, Menezes, Zizinho, Luis Carlos e Nivio.
Bayern Munchen(ALE): Koffman; Brandmair e Faltermeier; Metz, Thomas e Mayer; Bauer II, Schultz, Velhorm, Legalth e Humber.

Fonte: Esporte Ilustrado

 
SÃO CRISTÓVÃO FR (RIO DE JANEIRO-RJ)

2

AS ROMA (ITÁLIA)

1

Data: 14 de abril de 1954 Local: Roma – Italia
Juiz: Caráter: Amistoso Internacional
Gols: Ivan e Sarcinelli – Andreoli
São Cristóvão(RJ): Helio; Manfredo e Ivan II; Alves (Indio), Severino e Decio; Arlindo, Cosme, Sarcinelli, Ivan e Carlinhos.
Roma(ITA): Albani; Asimonti e Trere; Betello, Cardarelli e Pellegrini; Andreoli, Muzi, Tozzi, Guarnacci e Gimpanelli.

Fonte: Esporte Ilustrado

 

01.02.1954

VASCO DA GAMA

2-0

SAPRISSA (COSTA RICA) SAN JOSE – COSTA RICA

03.02.1954

VASCO DA GAMA

1-1

HEREDIANO (COSTA RICA) SAN JOSE – COSTA RICA

07.02.1954

VASCO DA GAMA

4-0

COMUNICACIONES (GUATEMALA) CIDADE DA GUATEMALA – GUATEMALA

14.02.1954

VASCO DA GAMA

3-3

PUEBLA (MÉXICO) PUEBLA – MÉXICO

21.02.1954

VASCO DA GAMA

5-2

TAMPICO (MÉXICO) TAMPICO – MÉXICO

25.02.1954

VASCO DA GAMA

5-1

NECAXA (MÉXICO) NECAXA – MÉXICO

28.02.1954

VASCO DA GAMA

1-0

MARTE (MÉXICO) CIDADE DO MÉXICO – MÉXICO

04.03.1954

VASCO DA GAMA

3-1

ORO (MÉXICO) GUADALAJARA – MÉXICO

07.03.1954

VASCO DA GAMA

1-3

TOLUCA (MÉXICO) TOLUCA – MÉXICO

11.03.1954

VASCO DA GAMA

5-4

AMÉRICA (MÉXICO) CIDADE DO MÉXICO – MÉXICO

14.03.1954

VASCO DA GAMA

3-0

LEON (MÉXICO) LEON – MÉXICO

17.03.1954

VASCO DA GAMA

1-0

GUADALAJARA (MÉXICO) GUADALAJARA – MÉXICO

20.03.1954

VASCO DA GAMA

4-1

SPORT BOYS – UNIVERSITÁRIO (PERU) LIMA – PERU

24.03.1954

VASCO DA GAMA

1-0

SUCRE – TABACCO (PERU) LIMA – PERU

27.03.1954

VASCO DA GAMA

3-0

MUNICIPAL (PERU) LIMA – PERU

31.03.1954

VASCO DA GAMA

1-1

ALIANZA LIMA (PERU) LIMA – PERU

04.04.1954

VASCO DA GAMA

1-1

UNIVERSITÁRIO (PERU) LIMA – PERU

Fonte: Esporte Ilustrado

 

Tremenda lambança fizeram os organizadores venezuelanos desta competição. O que era para ser um Pentagonal, virou um Quadrangular e depois um Triangular. Este era o futebol sulamericano na década de 70. Será que melhorou ? Abaixo publico os jogos oficiais que deram o título ao VITÓRIA FUTEBOL CLUBE de Setúbal (Portugal) e uma nota “explicativa” publicada no jornal A Tribuna de Santos/SP

JOGOS OFICIAIS

DATA

 

  LOCAL

07.05.1970

VITÓRIA DE SETÚBAL

3

X

1

SANTOS CARACAS

09.05.1970

VITÓRIA DE SETÚBAL

2

X

0

CHELSEA CARACAS

11.05.1970

SANTOS

4

X

1

CHELSEA CARACAS

JOGOS NÃO OFICIAIS

12.05.1970

WERDER BREMEN

2

X

1

VITÓRIA DE SETÚBAL CARACAS

15.05.1970

VITÓRIA DE SETÚBAL

3

X

1

WERDER BREMEN CARACAS

 

 O Botafogo Futebol Clube de Ribeirão Preto é um dos poucos clubes de que já venceu o tradicional Boca Júniors em solo Argentino.

Em 11 de Julho de 1971, o clube ribeirão-pretano venceu o time portenho por 5 x 3. 

O jogo foi realizado no estádio Dr. Luis Güemes em Salta.

As duas equipes já haviam se enfrentado anteriormente, em La Bombonera, em 1962, quando os anfitriões venceram por 2 x 1.

Ficha do Jogo:

Boca Júniors: Roma, Meléndez e Marzolini; Suñe, Cabrera (Peracca) e Rogel; Coch (Pianetti), Medina, Curioni, Savoy e Tarabini.

Botafogo-SP: Jeninho; Manuel e Luis Celso; Galli, Cunha e Jackson; Paulinho, Marco Antônio, Ferreyra, Alfredo e Geraldinho (Geraldo).

 Estádio: Dr. Luis Güemes – Salta (ARG).

 Árbitro: A. Ducatelli

 Renda: $ 4.818,000.

 Gols: Paulinho (bota), Ferreyra (2) (bota), Savoy (boca), Marco Antônio (bota), Curioni (2) (boca).

Fonte: Anotando Fútbol, Revide e Botafogo Futebol Clube.

 
CD TENERIFE (ESPANHA)

2

AA PORTUGUESA (RIO DE JANEIRO – RJ)

1

Data: 29 de abril de 1956 Local: Santa Cruz de Tenerife – Espanha
Juiz: Perez Leon Caráter: Amistoso Internacional
Gols: Ramon e Julio / Guilherme
Tenerife(ESP): Garcia; Chicon e Pantaleon; Ibanez, Isal e Oscar; Tomás, Julio, Monchon, Ramon e Masroig.
Portuguesa(RJ): Herra; Valter e Lucio; Haroldo, Joé e Cicarinho; Renato, Perinho, Guilherme, Ceca e César.
 

01.09.1959

SELEÇÃO DO DA

1-3

GVAV GRONINGEN (HOLANDA) GRONINGEN – HOLANDA

05.09.1959

SELEÇÃO DO DA

0-3

ROTATION LEIPZIG (ALEMANHA ORIENTAL) LEIPZIG  – ALEMANHA ORIENTAL

09.09.1959

SELEÇÃO DO DA

1-3

SLOVAN BRATISLAVA (TCHECOLSOVÁQUIA) BRATISLAVA – TCHECOSLOVÁQUIA

10.09.1959

SELEÇÃO DO DA

1-1

BANIK OSTRAVA (TCHECOSLOVÁQUIA) BRNO – TCHECOSLOVÁQUIA

14.09.1959

SELEÇÃO DO DA

6-2

RUDÁ HVĚZDA (TCHECOSLOVÁQUIA) ZNOJMO – TCHECOLOSVÁQUIA

16.09.1959

SELEÇÃO DO DA

2-2

SCHWENINGEN (ALEMANHA OCIDENTAL) HAYA – HOLANDA

23.09.1959

SELEÇÃO DO DA

2-3

STANDARD LIÉGE (BÉLGICA) LIÉGE – BÉLGICA

30.09.1959

SELEÇÃO DO DA

2-3

SAINT PAULI (ALEMANHA OCIDENTAL) HAMBURGO – ALEMANHA OCIDENTAL

03.10.1959

SELEÇÃO DO DA

4-1

VFR NEUMUNSTER (ALEMANHA OCIDENTAL) NEUMUNSTER – ALEMANHA OCIDENTAL

04.10.1959

SELEÇÃO DO DA

2-1

VFV HILDESHEIN (ALEMANHA OCIDENTAL) HILDESHEIN – ALEMANHA OCIDENTAL

06.10.1959

SELEÇÃO DO DA

1-0

SKEID OSLO (NORUEGA) OSLO – NORUEGA

07.10.1959

SELEÇÃO DO DA

1-3

SELEÇÃO DA DINAMARCA COPENHAGUE – DINAMARCA

11.10.1959

SELEÇÃO DO DA

0-1

SELEÇÃO DO MARROCOS CASABLANCA – MARROCOS

19.10.1959

SELEÇÃO DO DA

3-7

BETIS / SEVILLA (ESPANHA) SEVILLA – ESPANHA

21.10.1959

SELEÇÃO DO DA

0-3

SPORTING LISBOA (PÓRTUGAL) LISBOA – PORTUGAL

29.10.1959

SELEÇÃO DO DA

1-1

MALLORCA (ESPANHA) PALMAS DE MALLORCA – ESPANHA

01.11.1959

SELEÇÃO DO DA

3-4

PIACENZA (ITÁLIA) PIACENZA – ITÁLIA

04.11.1959

SELEÇÃO DO DA

2-3

GENOA (ITALIA) GENOVA – ITÁLIA

09.11.1959

SELEÇÃO DO DA

2-1

SELEÇÃO DE CHIPRE NICÓSIA – CHIPRE

11.11.1959

SELEÇÃO DO DA

0-1

SELEÇÃO DE ISRAEL TEL AVIV – ISRAEL

15.11.1959

SELEÇÃO DO DA

4-4

SELEÇÃO DE ISRAEL HAIFA – ISRAEL

17.11.1959

SELEÇÃO DO DA

5-3

HAPEL JERUSALÉM (ISRAEL) JERUSALÉM – ISRAEL

20.11.1959

SELEÇÃO DO DA

0-1

SELEÇÃO DO IRAN TEERAN – IRAN

23.11.1959

SELEÇÃO DO DA

1-4

CHANIN (IRAN) TEERAN – IRAN

27.11.1959

SELEÇÃO DO DA

1-2

COMBINADO DE TEERAN (IRAN) TEERAN – IRAN
 
BONSUCESSO FC (RIO DE JANEIRO-RJ)

2

ATLÉTICO MARTE (EL SALVADOR)

0

Data: 15 de abril de 1956 Local: San salvador – El Salvador
Juiz: Caráter: Amistoso Internacional
Gols: Décio e Prado
Bonsucesso(RJ): Humberto; Mauro e Gonçalo; Décio, Pacheco e Paulo; Milton, Valdemar, Vadinho, Prado e Nilo.
Atlético Marte(ES): Urriola; Laria e Chavez; Fivera, Osorio e Conrado; Pimentel, Ruano, Gigante, Rodrigues e Pericolo.
 

Em partida realizada no Estádio Caio Martins, em Niterói, a Seleção Brasileira Olímpica e Centro Recreativo Espanhol empataram pelo placar de 2 a 2. Paulinho e Vagner marcaram para aos espanhóis, enquanto Zé Carlos assinalou os dois tentos para a seleção canarinho.

O Sr. Antônio do Passo viu o jogo e o prefeito de Niterói, Sr. Ivan Fernandes de Barros (governou de 7 de janeiro de 1972 a 15 de março de 1975), deu o pontapé inicial da partida que foi fraca tecnicamente.

O Espanhol chegou a dominar os primeiros 30 minutos e depois foi vencido pelo melhor preparo físico dos comandados por Antoninho. A defesa do Espanhol bobeou no primeiro gol do Brasil e no segundo houve um cochilo da direção por causa da substituição de Paulo César.

Mesmo assim o campeão da cidade continuou invicto contra equipe de fora. O jogo por um triz, não seria realizado porque o Sr. Tomás Leite Ribeiro, do Departamento de Educação Física não gostou da maneira com que Tito Jacomini, supervisor do Espanhol solicitou o campo. A discussão ocupou boa parte da tarde. Quem sofreu mesmo foi o grande público de Jurujuba que não pode ver a sua equipe no primeiro encontro da noite.

O Jogo

O Espanhol foi melhor até os 30 minutos da fase inicial. Tocou a bola como manda o figurino, com Wilsinho fazendo exibição primorosa no meio de campo. Os olímpicos procuraram também tocar à bola, com algumas peças querendo aparecer. Houve muito cuidado para que nenhum olímpico se contundisse. Mas a primeira grande chance da noite foi da seleção brasileira: Gilvan pegou a bola, passou com quis por Paulo César e cruzou da linha de fundo.

Cantareira e Osmar não subiram e Zé Carlos, do selecionado, obrigou Paulão a fazer uma defesa sensacional. O gol do Espanhol veio pouco depois. Marcelo esticou para Paulinho no bico da grande área, pelo lado esquerdo. O cantorriense atirou violentamente, sem defesa para Vitor. Espanhol 1 a 0.

Com o decorrer do tempo, os olímpicos apareceram mais. Zé Carlos, num lance de muito oportunismo, foi entrando pelo setor onde se encontrava mais Paulo César, depois de haver recebido excelente passe de Gilvan. O negão olímpico chutou e Alfredo largou, e no chuta-chuta, a bola voltou a Zé Carlos que marcou o primeiro gol. Brasil 1 a 1.

Logo depois Zé Carlos, novamente, voltou a marcar com auxílio da defesa espanhola que não se mexeu para evitar o gol. Brasil 2 a 1.

Para o segundo tempo, o Espanhol voltou com Wilsinho mais adiantado e o time melhorou um pouco. Os olímpicos, entretanto, já haviam melhorado, tanto que dominaram nos minutos finais. Coube a Vagner a empatar o jogo, num trabalho todo de Renato. O louro de São Domingos cabeceou um cruzamento vindo da direita e Vagner só teve o trabalho de completar o lance. Seria gol de qualquer forma. Espanhol 2 a 2.

C.R. ESPANHOL (RJ)

2

X

2

SELEÇÃO BRASILEIRA OLÍMPICA

LOCAL:

Estádio Caio Martins, em Niterói/RJ

CARÁTER:

Amistoso Internacional

DATA:

Sábado, dia 17 de Março de 1972

ÁRBITRO:

Beethoven Neves (DNF)

AUXILIARES:

Heraldo Prevot (DNF) e Aílson Oliveira (DNF)

C.R. ESPANHOL:

Paulão (Alfredo); Artur, Osmar, Cantareira e Paulo César (Irineu); Wilsinho, Marcelo e Cláudio; Vagner, Renato e Paulinho. Técnico: Juarez

SELEÇÃO BRASILEIRA:

Vitor (Cantarelli); Mangabeira, Piscina (Márcio), Levi e Tereso; Falcão, Carlos Alberto Pintinho (Gilberto), Bolívar (Tuca); Gilmar, Zé Carlos (Washington) e Manoel. Técnico: Antoninho

GOLS:

Paulinho (Espanhol); Zé Carlos, duas vezes (Seleção Brasileira Olímpica), no 1° Tempo. Vagner (Espanhol), no 2° Tempo.

FONTE: Jornal O Fluminense

 
BONSUCESSO FC (RIO DE JANEIRO-RJ)

2

SUBT (CURAÇAO)

1

Data: 07 de maio de 1956 Local: Willemstad – Curaçao
Juiz: Caráter: Amistoso Internacional
Gols: Vadinho e Valdemar / Thielman
Bonsucesso(RJ): Humberto; Edson e Mauro; Decio, Pacheco e Gilberto; J. Alves, Valter Prado, Vadinho, Valdemar e Nilo.
SUBT(Curaçao): Emers; Canrord e Koolman; Vlinder, Chatlein e Piksur; eiliger, Daal, Thielman, Bicentini e Gomez.
 

DATA

 

  LOCAL

18.05.1968

SANTOS

1

X

1

TSV HORST EMSCHER (ALEMANHA OCIDENTAL) GELSENKIRCHEN – ALEMANHA OCIDENTAL

22.05.1968

SANTOS

1

X

0

SV AAHUS (ALEMANHA OCIDENTAL) AAHAUS – ALEMANHA OCIDENTAL

25.05.1968

SANTOS

3

X

1

FK BAD PYRMONT (ALEMANHA OCIDENTAL) BAD PYRMONT – ALEMANHA OCIDENTAL

28.05.1968

SANTOS

1

X

0

STV GUTERSLOH GUTERSLOH – ALEMANHA OCIDENTAL

31.05.1968

SANTOS

2

X

1

ATLÉTICO MADRID (ESPANHA) CONSTANTA – ROMÊNIA

02.06.1968

SANTOS

4

X

1

RAPID BUCAREST (ROMÊNIA) SINGEN – ALEMANHA OCIDENTAL

03.06.1968

SANTOS

2

X

1

SV HAMBURGER (ALEMANHA OCIDENTAL) SPAICHINGEN – ALEMANHA OCIDENTAL

05.06.1968

SANTOS

2

X

0

SELEÇÃO DE BADEN (ALEMANHA OCIDENTAL) SINGEN – ALEMANHA OCIDENTAL

08.06.1968

SANTOS

1

X

0

CRVENA ZVEZDA (IUGOSLÁVIA) RUHPOLDING – ALEMANHA OCIDENTAL

09.06.1968

SANTOS

0

X

0

STADE TUNIS (TUNÍSIA) FRIEDRICHSHAVEN – ALEMANHA OCIDENTAL

11.06.1968

SANTOS

1

X

1

CRVENA ZVEZDA (IUGOSLÁVIA) SINGEN – ALEMANHA OCIDENTAL

12.06.1968

SANTOS

4

X

1

SV HAMBURGER (ALEMANHA OCIDENTAL) CONSTANTA – ROMÊNIA

14.06.1968

SANTOS

3

X

0

FC EBBINGEN (ALEMANHA OCIDENTAL) EBBINGEN – ALEMANHA OCIDENTAL

16.06.1968

SANTOS

1

X

3

RAYO VALLECANO (ESPANHA) MADRID – ESPANHA
 
A PORTUGUESA D (SÃO PAULO-SP)

1

DANÚBIO FC (URUGUAI)

0

DATA: 02 de fevereiro de 1975 LOCAL: Estádio do Canindé, em São Paulo/SP
JUIZ: José de Assis Aragão CARÁTER: Amistoso Internacional
GOL: Daniel
Portuguesa(SP): Zecão; Gali, Mendes, Calegari e Isidoro; Daniel e Eudes; Antonio Carlos, Eneas, Adilton e Wilsinho.
Danúbio(URU): Carrabas; Cabrera, Chegas, Raux e Keossiam; Vecino, Rivero e Hector Silva; astillo, Perrone e Ocampo.
 

 

 

 

FONTE: O Malho 

 
CA FERROVIÁRIO (CURITIBA-PR)

1

CLUB GYMNASIA Y ESGRIMA (LA PLATA – ARGENTINA)

1

DATA: 09 de fevereiro de 1958 LOCAL: Curitiba / PR
JUIZ: José Ferreira dos Santos CARÁTER: Amistoso Internacional
GOLS: Tico / Brolese
Ferroviário(PR): Lalá; Tico e Marcelino (Sansão); Mirilique, Tocafundo e Alceu; Carlinhos (Travisão), Juarez, Fernando, Djalma (Nelson) e Passarinho (Arion).
Gymanasia y Esgrima(ARG): Geronimo; Ambrois e Gagliano (Brescia); Louvarine (Romero), Chanderley e Smarisi; Selma, Dominguez (Villegas), Maravilla, Martinez (Brolese) e Noak.
 
SELECIONADO DA AMEA (RIO DE JANEIRO-RJ)

2

WANDERERS FC (MONTEVIDEO-URUGUAI)

1

DATA: 25 de março de 1928 LOCAL: Campo do Vasco da Gama, no Rio de Janeiro / RJ
JUIZ: CARÁTER: Amistoso Internacional
PRELIMINAR: Vila Isabel 3×1 Brasil
GOLS:  Oswaldo e Occhuso (contra) / Conti
Selecionado da AMEA(RJ): Joel; Espanhol e Italia; Hermogenes, Henrique e Walter; Paschoal, Oswaldo, Nilo, Bahiano e Theophilo.
Wanderers(URU): Cabrera; Tejera e Thomazzini; Occhuso, Lobos e Cariccas; Fernandes, Conti, Dendy, Casanella e Iriarte.
 
BOTAFOGO FC (RIO DE JANEIRO-RJ)

4

CLUB NACIONAL (ROSÁRIO-ARGENTINA)

1

DATA: 18 de março de 1934 LOCAL: Campo do Botafo, no Rio de Janeiro / RJ
JUIZ: Oswaldo Travassos Braga CARÁTER: Amistoso Internacional
GOLS: Attila 2), Nilo e Carvalho Leite / Delavedova
Botafogo(RJ): Germano; Albino e Otacílio; Afonso, Martin e Canalle; Attila, Luis Carvalho, Carvalho leite, Nilo e Orlandinho.
Nacional(ARG): Brizolla; Paz e Simulo; Navajas, Piotte e Conti; Poyo, Pereyra, Delavedova, Cravero e Zorillo.
 
A PORTUGUESA D (SÃO PAULO-SP)

3

FC GRENCHEN (SUÍÇA)

1

DATA: 22 de maio de 1963 LOCAL: Grenchen / Suíça
JUIZ: CARÁTER: Amistoso Internacional
GOLS: Cassio, Nair e Ivair / Hirt
Portuguesa(SP): Felix; Cacá (Pereira) e Edilson; Vilela (Silvio), Ditão e Pampolini (Jorge); Gessy (Paulo), Nair, Ivair, Cassio (Gino) e Neivaldo (Nilson).
Grenchen(SUI): Fink (U. Kocher); Fankhauser e Mumenthaler; Klenzi, Msergeli e Guggi (W. Kocher); Hirt, Krey, Kwaelti, Mauron e Dubois.
 

Em 1929 a equipe argentina do Sportivo Barracas de Buenos Aires realizou duas excursões ao Brasil. A primeira patrocinada pelo Vasco da Gama, a equipe realizou 04 jogos no Rio de Janeiro. A segunda excursão patrocinada pelo Palestra Itália, teve a disputa de 05 jogos em São Paulo e 01 jogo em Santos. Abaixo estas partidas:

DATA

LOCAL

01.01.1929

SPORTIVO BARRACAS

3

x

2

COMBINADO CARIOCA SÃO JANUÁRIO

04.01.1929

SPORTIVO BARRACAS

0

X

0

VASCO DA GAMA SÃO JANUÁRIO

06.01.1929

SPORTIVO BARRACAS

3

X

5

COMBINADO APEA/AMEA SÃO JANUÁRIO

08.01.1929

SPORTIVO BARRACAS

0

X

2

COMBINADO CARIOCA SÃO JANUÁRIO

21.04.1929

SPORTIVO BARRACAS

2

X

2

PALESTRA ITÁLIA PARQUE ANTÁRCTICA

24.04.1929

SPORTIVO BARRACAS

0

X

1

SANTOS VILA BELMIRO

28.04.1929

SPORTIVO BARRACAS

0

X

3

SELEÇÃO DA APEA PARQUE ANTÁRTICA

01.05.1929

SPORTIVO BARRACAS

1

X

3

CORINTHIANS PARQUE SÃO JORGE

03.05.1929

SPORTIVO BARRACAS

2

X

0

PALESTRA ITÁLIA PARQUE ANTÁRTICA

05.05.1929

SPORTIVO BARRACAS

1

X

0

PORTUGUESA PARQUE ANTÁRTICA

Sportivo Barracas (Argentina) - 1929

 

Amistoso internacional em 1930 – Santos F.C. 6 x 1 Seleção Francesa

Partida realizada na data 30 de julho de 1930, na Vila Belmiro, em Santos.

Juiz: Enéas Sgarzi.

Gols: Feitiço (4) e Mario (2) (SFC) e   Delfour (França).

Santos: Athié, Aristides e Meira. Oswaldo, Roberto e Alfredo. Omar, Camarão, Feitiço, Mario e Evan.

Seleção Francesa: Thepot, Andoire e Mattler. Laurent, Delmer e Chantrei. Liberati, Pinel, Maschenot, Delfour e Villaplane.

Fontes: jornal “A Gazeta” e revista “A Cigarra”.

 

 
CA ATLANTA (ARGENTINA)

3

MADUREIRA AC (RIO DE JANEIRO-RJ)

2

DATA: 14 de fevereiro de 1937 LOCAL: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro / RJ
JUIZ: Lori Cordovil CARÁTER: Amistoso Internacional
GOLS: Perez, Irajoqui e Freije / Bahia e Batista
Madureira(RJ): Pintado; Norival e Cachimbo (Cuica); Gringo, Damasco e Alcides; Adilson, Kolla, Bahia, Julinho e Batista (Orlando).
Atlanta(ARG): Herrera; Murma e Bianco; Esperon, Spitali e Valdate; Freije, Perez, Tornarelli, Irazoqui e Martine.
 

DATA

 

  LOCAL

07.02.1964

PALMEIRAS(BRA)

3

X

1

UNIVERSIDAD CATÓLICA(CHI) SANTIAGO

07.02.1964

UNIVERSIDAD DE CHILE(CHI)

1

X

1

INDEPENDIENTE(ARG) SANTIAGO

12.02.1964

INDEPENDIENTE(ARG)

3

X

1

PALMEIRAS(BRA) SANTIAGO

12.02.1964

UNIVERSIDAD CATÓLICA(CHI)

1

X

1

UNIVERSIDAD DE CHILE(CHI) SANTIAGO

14.02.1964

INDEPENDIENTE(ARG)

3

X

1

UNIVERSIDAD CATÓLICA(CHI) SANTIAGO

14.02.1964

PALMEIRAS(BRA)

0

X

0

UNIVERSIDAD DE CHILE(CHI) SANTIAGO

 

CAMPEÃO – CLUB ATLÉTICO INDEPENDIENTE (BUENOS AIRES – ARGENTINA)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BRASIL         4          X         1          TCHECOSLOVÁQUIA

LOCAL: Estádio Paulo Machado de Carvalho, Pacaembu, em São Paulo (SP)

DATA: Quarta-Feira, 8 de Agosto de 1956

CARÁTER: Amistoso Internacional

RENDA: Cr$ 3.177.910,00

ÁRBITRO: Bertley Cross (Inglaterra)

BRASIL: Gilmar; Djalma Santos e Edson; Zózimo, Formiga e Nilton Santos; Canário, Luisinho, Gino, Zizinho (Cap.) e Pepe. Técnico: Flávio Costa

TCHECOSLOVÁQUIA: Dolejsi (Schorif); Hertl e Pluskal; Novak, Urban, Massopust; Pazdera, Moravicicka, Feurseil (Jacubvik), Borovicka e Kraus. Técnicos: Antonin Rýgr e Karel Kolský

GOLS: Zizinho e Pepe, dois gols cada (Brasil); Massopust (Tchecoslováquia)

FONTE: Revista Sport Ilustrado 

 

BRASIL         0          X         1          TCHECOSLOVÁQUIA

LOCAL: Estádio Mario Filho, Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

DATA: Domingo, 5 de Agosto de 1956

CARÁTER: Amistoso Internacional

RENDA: Cr$ 2.051.994,40

PÚBLICO: Mais de 60 mil pessoas

ÁRBITRO: Bertley Cross (Inglaterra)

BRASIL: Gilmar; Djalma Santos e Edson; Zózimo, Formiga e Nilton Santos; Canário, Zizinho (Cap.), Leonidas (Vavá depois Hilton), Didi (Luisinho), e Pepe. Técnico: Flávio Costa

TCHECOSLOVÁQUIA: Dolejsi; Hertl e Hedick; Novak, Pluskal, Massopust; Pazdera, Moravicicka, Feurseil, Borovicka e Kraus. Técnicos: Antonin Rýgr e Karel Kolský

GOL: Moravicicka (Tchecoslováquia), no 2º Tempo.

FONTE: Revista Sport Ilustrado 

 

Delegação do Bologna Football Club que, no ano de 1929, esteve no Brasil onde disputou algumas partidas amistosas.

Fonte: jornal “A Gazeta”

 

Jornal A Tribuna de Santos / SP (edição de 07/09/72)

 
CA ATLÉTICO ROSÁRIO CENTRAL (ARGENTINA)

1

EC TAUBATÉ (TAUBATÉ-SP)

0

DATA: 13 de janeiro de 1957 LOCAL: Taubaté / SP
JUIZ: Wladimir Aleksandrov CARÁTER: Amistoso Internacional
GOL: Biaglioli
Rosário Central(ARG): Casadei; Biaglioli e Giamelo; Alvarez, Mines (Poy) e Larossa; Apicciafueco, Sanchez, Juarez (Mottura), Castro e Gimenez (Ramirez).
Taubaté(SP): Sergio; Rubens e Porunga; Beto, Celso e Zé Américo; Silvio (Mauro), Augusto, Wilson (Tek), Manteiga e Djair (Osvaldo).
 

Amistoso em 1929 – Seleção da APEA 2 x 1 Ferencvarosi Torna Club (Hungria)

Partida realizada na data de 18 de agosto de 1929, no Parque Antarctica.

Juiz: Antonio S. Villas Boas.

Gols: Ratto e Carrone (APEA) e Tuffy (contra – FTC).

APEA: Tuffy, Del Debbio e Grané. Nerino, Gogliardo e Munhoz. Ministrinho, Carrone, Petronilho, Ratto e Rodrigues.

Ferencvarosi: Amael, Hungler e Papp. Fuhrmann, Bukovy e Lika. Takacs, Turay, Toldi, Sudlecher e Koult.

Fontes: revista “A Cigarra” e jornal “Diário Nacional”.

 

Amistoso em 1929 – Seleção da APEA 1 x 1 Victoria F.C. de Setúbal (Portugal)

Partida realizada na data de 11 de agosto de 1929, no Parque Antarctica.

Juiz: Antonio S. Villas Boas.

Gols: Camarão (APEA) e D. Neves (VFC).

APEA: Tuffy, Del Debbio e Grané. Serafini, Amilcar e Nerino. Ministrinho, Camarão, Petronilho, Feitiço e Evangelista.

Victória: A. Augusto, Carlos Alves e Ferreira. Tamanqueiro, C. Santos e Mathias. Liberto, J. Santos, D. Neves, A. Martins e F. Santos.

Fontes: revista “A Cigarra” e  jornal “Diário Nacional”.

 

Amistoso em 1929 – Palestra Italia 5 x 2 Ferencvarosi Torna Club (Hungria)

Partida realizada na data de 14 de julho de 1929, no Parque Antarctica.

Juiz: Francisco Céspedes Guerra.

Gols: Ministrinho, Miguel (3) e Seraphini (PI) e Kohut e Takaes (FTC).

Palestra Italia: Nascimento, Bianco e Miguel. Pepe, Gogliardo e Seraphini. Ministrinho, Carrone, Miguelzinho, Lara e Oses.

Ferencvarosi: Amzel, Hungler e Papp. Lyka, Bukovy e Obitz. Tauzer, Takaes, Turay, Toldi e Kohut.

Fonte: jornal “Correio Paulistano”.

 

Amistoso em 1929 – Seleção da APEA 3 x 1 Chelsea FC (Inglaterra)

Partida realizada na data de  7 de julho de 1929, no Parque Antarctica.

Juiz: o esportista Chicão.

Gols: Feitiço (2) e Araken (APEA) e Wilson (CFC).

APEA: Athié, Miguel e Del Debbio. Nerino, Argentino e Seraphim. Ministrinho, Camarão, Feitiço, Araken e Evan.

Chelsea: Millington, Smith e Law. Russell, Rodger e Ferguson. Jackson, Weaver, Elliot, Wilson e Pearson.

Fontes: jornais “Correio Paulistano” e “Diario Nacional”.

 

Amistoso em 1929 – Seleção da APEA 6 x 4 Bologna FC (Italia)

Partida realizada na data de 28 de julho de 1929, no Parque Antarctica, em São Paulo.

Juiz: Sabattini (Bologna FC).

Gol: Feitiço (3), Camarão, Petronilho e Evangelista (APEA) e Schiavio, Banchero e Constantino (2) (BFC)

APEA: Tuffy, Grané e Del Debbio. Nerino, Guimarães e Munhoz. Apparício, Peres, Gambinha, Rato e Rodriguez,

Bologna: Compiani, Gasperi e Monzeglio. Genovesi, Pitto e Dugoni. Constantino, Banchero, Schiavio, Busini III e Tansini.

Fontes: revista “A Cigarra” e archivio Bologna.

 

Amistoso em 1929 – Seleção do Brasil 2 x 0 Ferencvarosi Torna Club (Hungria)

Partida realizada na data de 10 de julho de 1929, no estádio das Laranjeiras (Fluminense FC) – Rio de Janeiro.

Juiz: Arthur Antunes de Moraes e Castro.

Gols: Petronilho e Feitiço (BRA).

Brasil: Joel, Grané e Hildegardo. Nerino, Fausto e Fortes. Ripper, Nilo, Petronilho, Feitiço e Teóphilo.

Ferencvarosi: Amsel, Hungler e Papp. Lyka, Bukovi e Obitz. Tanzer, Takacs II, Turay. Toldi e Kohut.

Fonte: jornal “A Gazeta Esportiva” e jogosdaselecaobrasileira.

 

Amistoso em 1929 – S.C. Corinthians Paulista 4 x 4 Chelsea F.C. (Inglaterra)

Partida realizada na data de 4 de julho de 1929, no Parque Antarctica, em São Paulo.

Juiz: Ângelo Benjamim Bevilacqua.

Gols: Gambinha (2), Grané e De Maria (SCCP) e Willie Jackson, Andy Wilson, Sidney Elliot (2) (CFC).

Corinthians: Tuffy, Grané e Del Debbio. Nerino, Guimarães e Leone. Apparício, Peres, Gambinha, Rato e De Maria.

Chelsea: Sam Millington, George Smith e Tommy Law. William Russell, George Rodger e Sid Bishop. John Meredith, Jackie Crawford, Sidney Elliot, Andy Wilson e Willie Jackson.

Fontes: revista “A Cigarra” e jornaleiros.blogspot.

 

Amistoso em 1929 – Seleção da APEA 1 x 2 Ferencvarosi Torna Club (Hungria)

Partida realizada na data de 30 de junho de 1929, no Parque Antarctica.

Juiz: Decp (uruguaio)

Gols: Feitiço (APEA) e   Takaes II 2-FTC

APEA: Tuffy, Grané e Del Debbio. Nerino, Julio e Serafini. Ministrinho, Camarão, Feitiço, Ratto e De Maria.

Ferencvaros: Amsel, Takaes I e Hungler. Lyka, Bukory e Obitz. Tauzer, Takaes II,Turay, Toldi e Kout.

Fontes: revista “A Cigarra” e Jornais “Correio Paulistano” e  “Diário Nacional”.

 

Amistoso em 1929 – Santos Football Club 5 x 0 Rampla Juniors Futbol Club (Uruguay)

Partida realizada na data de 27 de junho de 1929, no campo do Santos FC, na cidade de Santos-SP.

Juiz: Fernando Reis (do C.A. Ypiranga).

Gols: Feitiço (2), Araken (2) e Siriri (SFC).

Santos: Athié, Aristides e David. Oswaldo, Julio e Alfredo. Siriri, Camarão, Feitiço, Araken e Evangelista.

Rampla Juniors: Sotto, Aguirre e Vidal. Martinez, Cabrera e Magallanez. Rigolo, Fedula, Haerbelli, Duhagan e Bedegain.

Fontes: revista “A Cigarra” e jornal “Correio Paulistano”.

 

Amistoso em 1929 – Seleção da APEA 1 x 0 Rampla Juniors FC (Uruguay)

Partida realizada na data de 23 de junho de 1929, no Parque Antarctica.

Juiz: um senhor húngaro.

Gol: Camarão (APEA).

APEA: Tuffy, Grané e Del Debbio. Nerino, Amilcar e Seraphim. Ministirinho, Camarão, Petronilho, Feitiço e De Maria.

Rampla Juniors: Sotto, Fernandez e Aguirre. Martinez, Romero e Magalhanez. Rigolo, Fernulo, Haerbelli, Carbajal e Bideguim.

Fontes: revista “A Cigarra” e jornal “Diário Nacional”.

 

Amistoso em 1929 – Palestra Italia 0 x 2 Rampla Juniors FC (Uruguay)

Partida realizada na data de 16 de junho de 1929, no Parque Antarctica.

Juiz:

Gols: Duhagan e Haeberlyn (RJFC)

Palestra: Nascimento, Miguel e Faria. Pepe, Amilcar (Gogliardo) e Serafim. Ministrinho, Carrone, Heitor (Amilcar), Lara e Patricio (Totó).

Rampla Juniors: Souto, Aguirre e Fernandez. Martinez, Romero e Magallanes. Labraga, Fedulo, Haeberlyn, Duhagan e Bidegan.

Fonte: Jornal “Correio Paulistano”.

 
AMÉRICA FC (RIO DE JANEIRO – RJ)

7

TIQUIRE FLORES (VENEZUELA)

0

DATA: 02 de fevereiro de 1964 LOCAL: Estádio Olímpico, em Caracas / Venezuela
JUIZ: CARÁTER: Amistoso Internacional
GOLS: Amorim (2), Gilberto (2), Zezinho, Abel e Wilson
América(RJ): Pompéia; Jorge (Wilson), Pontes e Leônidas; Silvio e Carlos Pedro; João Carlos, Gilberto, Zezinho, Amorim e Abel.
Tiquire Flores(VEN): Fassano; Garcia, Morales e Gunga; Muniz e Coelho; Barbosa, Pedro Luiz, Borges, Hélio e Orlando.
OBS.: O curioso que com excessão do goleiro e do defesa direito, os demais jogadores eram todos brasileiros na equipe venezuelana.
© 2017 História do Futebol Suffusion theme by Sayontan Sinha