FONTE: Vida Sportiva

 

 

DATA: 01 DE MARÇO DE 1959
LOCAL: ARACAJU – SE
RENDA: CR$ 19.030,00

1º JOGO – MADUREIRA 1-0 VASCO
2º JOGO – SERGIPE 1-0 COTINGUIBA
3º JOGO – ATLÉTICO 0-0 PALESTRA (1-0 PEN)
4º JOGO – OLÍMPICO 0-0 CONFIANÇA (3-2 PEN)
5º JOGO – PAULISTANO 0-0 MADUREIRA (3-0 PEN)
6º JOGO – ATLÉTICO 0-0 SERGIPE (2-1 PEN)
7º JOGO – PAULITANO 1-0 OLÍMPICO
FINAL – PAULISTANO 1-0 ATLÉTICO

CAMPEÃO – PAULISTANO FUTEBOL CLUBE (ARACAJU – SE)

Fonte: Gazeta de Sergipe / SE

 

DATA: 12 DE SETEMBRO DE 1920
LOCAL: ARACAJU – SE

1º JOGO – COTINGUIBA 0-0 INDUSTRIAL (3-2 ESC)
FINAL – COTINGUIBA 1-0 SERGIPE

CAMPEÃO – COTINGUIBA SPORT CLUB (ARACAJU – SE)

Fonte: Gazeta de Sergipe / SE

 

O Clube Sportivo Sergipe é um clube brasileiro de desportos estabelecido em Aracaju, capital do estado de Sergipe. A sede do clube é o Estádio João Hora de Oliveira, localizado no bairro Siqueira Campos. O Sergipe é o maior vencedor da história do Campeonato Sergipano de Futebol, com 34 títulos. Fundado em 17 de outubro de 1909, apenas seis dias após a criação do primeiro clube do estado, o Cotinguiba Esporte Clube, o Sergipe era voltado exclusivamente para competições de remo, esporte bastante popular na época. O clube conquistou 13 campeonatos estaduais dessa modalidade entre os anos de 1911 e 1946. Gradativamente, o futebol ganhava cada vez mais destaque durante o século XX, e em 1922 o Sergipe conquistava seu primeiro título estadual.

Além do que remo e do futebol, o clube também é o campeão atual do estado no voleibol e, mais recentemente, firmou uma parceria com a equipe de futebol americano ‘Aracaju Bravos’. Desta aliança nasceu o Sergipe Bravos, o ‘Mais Querido’ do futebol americano.

Fundação

O Club Sportivo Sergipe foi fundado em 17 de outubro de 1909, uma semana após o surgimento do primeiro clube esportivo de Aracaju, o Cotinguiba Esporte Clube, ambos dedicados exclusivamente aos esportes náuticos, especialmente o remo. Existe uma versão, não comprovada, de que o Sergipe nasceu a partir de uma facção do Cotinguiba, insatisfeita com o nome dado a este clube. Estes dissidentes teriam resolvido, então, fundar outro clube com o verdadeiro nome do rio onde seriam disputadas as competições: o rio Sergipe. Entretanto, pesquisas e testemunhos (inclusive o de José Couto de Farias, um dos fundadores do Sergipe) apontam outra versão: a simples necessidade de haver outro clube para que as regatas pudessem ser realizadas.

Assim, comandados por Adalberto Ribeiro Monteiro e mais Euclides Porto, Adalgiso Rosal, José Couto de Farias, Tancredode Sousa Campos, Américo Silva, Francisco Bessa e outros que a história não registrou; reuniram-se no dia seguinte da fundação do Cotinguiba, ao meio-dia de 11 de outubro de 1909, na sede da Associação Comercial e deliberam que, no domingo seguinte, dia 17, seria fundado o Club Sportivo Sergipe. E foi o que aconteceu. Novamente no mesmo horário, e no mesmo local anterior, aquele grupo de jovens idealistas fundavam o clube cujas cores representam vigor, vontade de vencer, progredir. Sua diretoria foi assim organizada:

  • Presidente: Tancredo Sousa Campos.
  • Vice-presidente: José Victor de Matos.
  • 1º Secretário: José Couto de Farias.
  • 2º Secretário: Adalberto Ribeiro Monteiro.
  • Tesoureiro: José Fernandes de Oliveira.
  • Orador: Hemetério Gouveia.
  • Diretor de Regatas: Américo Silva.
  • Comissão fiscal: Dr. Alexandre Lobão, Cel. Terêncio Sampaio e Jucundino Sousa Filho.
  • Presidente de honra: Cel. Lourenço Pinto Monteiro.

Nascia naquele momento o Club Sportivo Sergipe, cujo destino histórico o tornaria o maior clube esportivo do estado de Sergipe. Logo após a fundação, a diretoria encomendadou barcos, arrumou local para a sede, angariando novos sócios e levantando fundos financeiros para a efetivação dos planos. Em janeiro de 1910 era batizado o primeiro barco rubro, que recebeu o nome de “Nereida”.

Em 8 de janeiro do ano seguinte foi inaugurada a primeira sede do Sergipe. Tratava-se de uma pequena garagem, construída no bairro da Fundição (atual avenida Ivo do Prado), às margens do rio Sergipe. Na primeira disputa náutica realizada, em 11 de junho de 1910, o clube rubro foi o vencedor, diante do Cotinguiba. Esta foi a primeira de muitas vitórias nas regatas contra o rival alvi-azul, que ocorriam no rio Sergipe e que eram acompanhadas por um grande público na antiga rua “da Frente”.

 

FONTES: Wikipédia Revista Vida Sportiva

 

 

O Cotinguiba Esporte Clube é um clube esportivo e social de Aracaju, capital do estado do Sergipe. Fundado no dia 10 de outubro de 1909, é o primeiro campeão estadual do Sergipe e conquistou o campeonato em 1918, 1920, 1923, 1936, 1942, 1952 e 1957. É conhecido como o Tubarão da Praia.

Com o nascimento do Cotinguiba Esporte Clube a vida sócio-esportiva sergipana começa a se organizar. Sensível aos anseios da gente sergipana, um valioso grupo de intelectuais e desportistas deu início às demarches para a criação da agremiação.A data oficial de fundação é 10 de outubro de 1909. Na ocasião lá estavam os mais autênticos representantes das famílias Franco, Leite, Rollemberg, Garcez e Vasconcelos. Seus primeiros sócios e dirigentes.

Era, pois, um clube elitista. Criado e dirigido pelo ‘high-society”.Nasceu onde ainda hoje vive. Tomou o nome de Cotinguiba em homenagem ao rio que nos separa da Barra dos Coqueiros.Depois o rio mudou de nome nesta região e passou a se chamar Rio Sergipe, de acordo com determinação emanada do Poder Legislativo.Começou com o remo e, já no ano seguinte, arrebatava, triunfal-mente, a primeira colocação do primeiro campeonato de remo.

O futebol veio logo depois, em 1916, quando foi criada a Liga Desportiva Sergipana, e era praticado na Praça da Conceição, primitivo nome da praça Pinheiro Machado, que depois passou a ser denominada de Praça Tobias Barreto, com um monumento ao centro, em homenagem ao gênio sergipano. Os rivais do remo, das regatas, passavam a ser, também, rivais no futebol.

Equipe do Cotinguiba
Em 1918 começam, precariamente, os Campeonatos e o Cotinguiba saiu na frente, conquistando o 1º título. No ano seguinte, 1919, não houve campeonato, mas os dois clubes ganharam um terreno, cedido por Adolfo de Faro Rollemberg, para ser preparado e utilizado como campo de futebol. Foi o Campo do Adolfo, que durante pelo menos três décadas sediou as partidas de futebol, abrigou desfiles cívicos e estudantis, festas e outros eventos. Em 1920 o Cotinguiba ganhou de novo.
Voltou a ser campeão sergipano em 1923 e depois somente em 1936. Voltou a ser campeão no ano de 1942 e em 1952.
Cotinguiba campeão de 1942
Na década de 40, o Tubarão encontra seu ponto culminante na administração de Clóvis Cardoso, homem que modificou o cenário arquitetônico de Aracaju, realizou consideráveis reformas na sua sede, surgindo a feição mediterránea que até hoje possui, apesar da rebeldia de algumas reformas que ali foram realizadas em outras gestões.
Foi o primeiro campeão de Remo, Futebol, Voleibol, Basquetebol, Pedestrianismo e Natação. No ocaso da década de 50 surgiu em nossa Capital o Futebol de Salão. No futebol conquistou mais um título em 1957.
 Cotinguiba campeão de 1957
 Com o passar do tempo, a rivalidade com o Sergipe caia e terminava desaparecendo. É quando entra em cena a Associação Desportiva Confiança, que passa a ser o principal rival do Clube Esportivo Sergipe. Tal fato coincide com a implantação do profissionalismo do futebol sergipano, o que significa mais exigências, compromissos, formação de equipes remuneradas, a corrida em busca do público pagante para lotar os estádios e dos auxílios do Poder Público, que é, em si, um capítulo da história do futebol em Sergipe. Com o domínio do futebol sergipano pelo Sergipe, Confiança e Itabaiana, o Cotinguiba perdeu espaço no futebol sergipano.
Em 1975 ficou em 4° lugar no sergipano e em 1977 também fez boa campanha. Nos anos 90 ainda se mantinha no futebol profissional, mas não acompanhando o ritmo da dupla de ferro da capital.
Em 1996 acabou sendo rebaixado juntamente com o Propriá para a segunda divisão sergipana.No ano seguinte ficou em 4° lugar na segunda divisão, longe do acesso.
O Cotinguiba voltou aos gramados em 2005, eliminado nas semifinais da segundona pelo Olímpico Pirambu com duas derrotas. Em 2006 acabou afastado do campeonato por seu estádio não atender aos padrões exigidos pela FSF.
Disputou os campeonatos de 2007 e 2008, mas em 2009 acabou não disputando a segunda divisão.
O Cotinguiba manteve sua sede social, promoveu festas, praticou outros esportes, ainda hoje tem o Remo que o consagrou, sendo que a sua sede é uma das mais importantes de Aracaju.
Escudos Anteriores
Hino (Autor: Gilson Nascimento)

Tubarão da Praia
Sou tubarão da praia, 
Sou campeão na bola e na raia,
Sou do time de valor,
Sou Cotinguiba com muito amor
Sua história relevante,
Vai sempre evocar esse time vibrante,
Sua torcida brava: “Pra frente guerreiros!”
Sou Cotinguiba, somos pioneiros.

O tempo passa, mas fica a lembrança,
Quem tem fé, tem esperança,
Decano da fundição sua morada é no meu coração,
Amo essa camisa querida,
Sou Cotinguiba por toda vida.

Sou tubarão da praia, 
Sou campeão na bola e na raia,
Sou do time de valor,
Sou Cotinguiba com muito amor.

 

FONTES: Revista Vida Sportiva – História dos Clubes Nacionais

 

Data: 15/01/2012
Local: Estádio Lourival Batista
Renda: R$ 8.000,00 (aproximada)
Obs: Partidas disputadas em 2 tempos de 15min
Obs: Socorrense não disputou. Alguns clubes não usaram a equipe principal.
Obs: Renda doada à Associação de Garantia ao Atleta Profissional do Estado de Sergipe (AGAP/SE)
Campeão: Troféu Desportista Fernando França
Vice: Troféu Radialista Carlos Rodrigues

Partidas

Lagarto 1-1 Itabaiana (pênaltis: 4-3)
Sergipe 1-1 Guarany (pênaltis: 2-4)
River Plate 2-2 Olímpico(I) (pênaltis: 4-3)
São Domingos 1-0 Confiança

Sete de Junho 1-0 Lagarto
Guarany 0-0 River Plate (pênaltis: 1-4)

São Domingos 0-1 Sete de Junho

River Plate 2-0 Sete de Junho
[Felipe Mamão e Vítor Sapo]

River Plate campeão

Fontes: infonet.com.br e arquivo pessoal

 

 


FONTE: Revista Placar

 

O Macambira Futebol Clube é uma agremiação da cidade de Macambira (SE). Localizado no Agreste Sergipano, fica a 58 km da capital de Aracaju e conta com uma população de 6.411 habitantes, segundo o Censo do IBGE/2010.

O Tricolor Macambirense (nas cores: azul, verde e grená) foi Fundado no Domingo, do dia 23 de Novembro de 2003. A sua Sede está situada na Avenida Ana Luiza Dortas Valadares, s/n, no Centro da cidade.

A equipe manda os seus jogos no Estádio Municipal José Francisco de Oliveira, o ‘Severão’, com Capacidade para 1.500 pessoas. A sua única participação na esfera profissional aconteceu em 2009, quando disputou o Campeonato Sergipano da Série A2 (2ª Divisão). No final, o Macambira terminou o certame na 6ª colocação.

FONTES: Wikipédia – Blog Macambira F.C.

FOTO: Givaldo Batista Zip Net

 

O Sport Club Industrial foi uma agremiação da cidade de Aracaju (SE). O clube Alvinegro foi Fundado no dia 17 de Fevereiro de 1917, por esportistas do bairro do industrial juntamente com funcionários da fábrica têxtil Sergipe pertencente a  Companhia Sergipe Industrial S/A, liderado pelo Sr. Thales Ferraz, empresário, proprietário da empresa, que também foi seu 1º e único presidente.

A sua Sede ficava na Avenida João Rodrigues, s/n, no Bairro Industrial, em Aracaju. Já o Estádio era o Adolpho Rollenberg, com capacidade para 2 mil pessoas. Apesar de ter sido um clube de vida efêmera, afinal acabou fechando às portas em 1924, entrou para a história do futebol sergipano. Em 1921, se sagrou campeão do Campeonato Sergipano da 1ª Divisão.



FONTES: Pesquisador Luciano da Silva – Historiador Vianna Filho

 

O Atlético Clube Ipiranga foi uma agremiação da cidade de Maruim (SE). O Alvianil foi Fundado no dia 13 de Abril de 1932, por esportistas da cidade juntamente com um grupo de tecelões e funcionários da destilaria Hannequim Ltda.

A sua Sede ficava situada na Rua Barão do Rio Branco, nº 1, no Centro de Maruim. O Ipiranga mandava o seus jogos no Estádio Municipal Gonçalo Prado, com capacidade para 4 mil pessoas.

No Campeonato Sergipano da 1ª Divisão, conquistou dois títulos: 1939 e 1945. Em 1968, o Ipiranga abandonou o futebol profissional, onde se dedicou ao Campeonato Citadino de Maruim.

 

FONTES: Jornal da Cidade (Aracaju) - Pesquisador Luciano da Silva – Historiador Vianna Filho

 

 

O Palestra Futebol Clube é uma agremiação da cidade de Aracaju (SE). A sua Sede ficava localizada na Avenida Guanabara, nº 179, no Bairro América, em Aracaju. O clube Alvianil foi Fundado no dia 1º de Março de 1928, por esportistas da cidade.

O Palestra mandava os seus jogos no Estádio Adolpho Rollenberg, com Capacidade para 2 mil pessoas. No Campeonato Sergipano da 1ª Divisão, conquistou três títulos: 1934, 1935 e 1949.

  

FONTES: Pesquisador Luciano da Silva – Historiador Vianna Filho

 

O Centro Sportivo Maruinense, mais conhecido como CSM, é uma agremiação do Município de Maruim (SE). O Alvinegro foi Fundado no dia 03 de abril de 1917, começou com o nome de Socialista Sport Club, entretanto alterou no fim dos anos 60 para Maruinense, tentando mais identidade. Como títulos, tem o Campeonato Sergipano da Segunda Divisão (Série A-2) de 2003. Maruim é um município que fica a 30 km da capital Aracaju. Fundado em 5 de maio de 1854, fica situado no Leste Sergipano, e conta com uma população com 16.338 habitantes, segundo o IBGE/2010.

O Socialista começou disputando campeonatos no início dos estaduais, sempre representando a cidade de Maruim no futebol, assim como o extinto Ipiranga mais tardiamente, mas não conseguindo conquistar títulos de expressão em sua longa trajetória, assim ao fim dos anos 60 sendo substituído pelo nome e pelas cores do Maruinense, nascendo então o Fantasminha Camarada.

Em 1970 disputou o 1º campeonato com o novo nome, e em 1972 ficou no 6° lugar na competição. Disputava as competições com grande regularidade, sendo que em 1984 ficou sem disputar o estadual.

No ano de 1988 conseguiu sua maior campanha, ficando em 3° lugar no torneio com chances de se sagrar campeão na última rodada do hexagonal final, porém acabou sendo goleado pelo Confiança por 3 x 0 em Aracaju e perdeu a maior chance da sua história de ser campeão.

Time de 1991

Com os anos 90 começou o seu declínio, porém em 1994 teve um time em que se destacaram jogadores como Adilso Sergipano, Gilmar, Carlinhos, Cabelo, Esquerdinha, Clodoaldo, Jay, Pedro Aruba, Cureu, Miltinho, Cleibson Ferreira (Hoje treinador) e Ozeias (Destaque do Palmeiras e Atlético PR nos anos 90) etc. Porém o clube mais uma vez bateu na trave. Em 1994 também estreou na Série C do Brasileirão e por pouco não conseguiu subir para a Série B, ficando em 8° lugar no geral.

Em 1995 disputou a Série C novamente, mas dessa vez sem o mesmo sucesso do outro ano, ficando na modesta 102° posição. Em 1998 foi rebaixado, mas voltando novamente no ano 2000, porém em 2001 foi novamente rebaixado para o segundo escalão. Em 2003 conseguiu o seu primeiro título, a A-2 de Sergipe ao vencer o Propriá por 2 x 1 nos pênaltis após 0 x 0 no tempo normal no Batistão.

Durou na elite até 2005, quando foi o lanterna do campeonato. Disputou a A-2 em 2006, 2007, 2009 e 2011, mas longe de conseguir o acesso ao primeiro escalão sergipano.

Em 2013 o clube acertou do jovem zagueiro Jemenson Da Silva Morais, conhecido como “CAJU”, o zagueiro tem 17 anos, o presidente Manoel Rodrigues falou que essa é a aposta do clube para Serie A-2 do Sergipano, o Presidente falou em poucas palavras, “é novo só na idade porque em campo parece um Thiago Silva do PSG da França”.

 

FONTES: Wikipédia – Blog Regivaldo Portugal Craques do Futuro

 

 

FONTE: Revista Placar

 

A Fundação

Diferente de muitas equipes que originaram-se de dissidências de outras, o Itabaiana formou-se de uma junção entre duas agremiações amadoras da cidade: o Brasil Football Club e o Balípodo Club Santa Cruz. O objetivo da fusão era manter uma frequência de atividades esportivas, já que estes dois clubes apareciam e desapareciam constantemente e não tinham um calendário fixo. Então, os desportistas itabaianenses entenderam que deveria ser formado um time mais consistente, mais participativo e com maior regularidade esportiva.

Desta forma, no dia 10 de julho de 1938 fora fundado um novo time de futebol em Itabaiana, em cujo batismo inicial recebeu o nome de Botafogo Sport Club, nome que durou apenas três meses, pois o mesmo não adquiriu a simpatia de todos os integrantes. Assim no dia 6 de outubro de 1938, numa reunião de iniciativa do Sr. Irineu Pereira de Andrade, o time serrano passou-se a chamar Itabaiana Sport Club. A mudança definitiva para Associação Olímpica de Itabaiana ocorreu em 1950.

A escolha das cores do clube não foi difícil. Como o Santa Cruz tinha as cores azul e branco e o Brasil as cores vermelho e branco, a homenagem foi prestada aos precursores e o Itabaiana viraria o tricolor serrano, nas suas cores azul, vermelho e branco.

 

 

A Primeira Partida

A primeira partida do novo time itabaianense aconteceu em 14 de agosto de 1938. Ainda com o nome de Botafogo Sport Club. O time serrano enfrentou o Guttemberg Football Club da cidade de Aracaju. E o Sergipe Jornal, da capital anunciava:

“Na própria cidade de Itabaiana, encontrar-se-ão amanhã em partida amistosa, os fortes esquadrões do Guttemberg F.C desta capital e o Botafogo S.C daquela cidade. Ambos os quadros estão devidamente treinados prometendo deste modo um embate cheio de lances emocionantes, realizando em Itabaiana amanhã uma das suas maiores tardes esportivas”.

O jogo foi recheado de controvérsias e o Sergipe Jornal de 17 de agosto, numa matéria inteiramente parcial polemizou:

“Sob a arbitragem de um juiz inconsciente, os rapazes do Guttemberg F.C. perderam para o Botafogo S.C da cidade de Itabaiana, pelo apertado score de 2×1. (…) Decorridos alguns minutos de jogo, coube a abertura do score aos locais, não desanimando os visitantes que o tempo todo investem, (…). Em uma das vezes, apossando-se Teleco da bola, escapa, e a grande distância, em um forte pelotaço vaza as redes dos locais, mas o juiz, que desde o início da peleja procurava prejudicar todas as jogadas dos rapazes do “Guttemberg” anula inescrupulosamente o tento feito, sem aceitar o menor protesto do time prejudicado. Minutos depois, ainda Teleco apossando-se da pelota (…), descobrindo em frente ao goal dos locais, manda um forte tiro, conseguindo deste modo empatar a partida (…). Já ao término da peleja, chocam-se três jogadores, inclusive dois locais próximo à área penal dos visitantes, e o juiz, desconhecedor das refras do football, (…), ao em vez de marcar bola ao ar, marca uma penalidade contra os ‘guttemberguenses’, que batido, resultou em goal para eles, terminando a partida minutos depois com o score de 2 a 1, favorável ao time local”

 

Dos Primeiros Títulos à Atualidade

O primeiro título, a Zona Centro de Sergipe, veio em 1959, ainda como clube amador. Em 1960, o profissionalismo chega ao futebol sergipano. O primeiro título de Campeão Sergipano de profissionais viria no ano de 1969 no antigo Estádio Etelvino Mendonça. Esse momento da história do time foi de fundamental importância, por ter provocado uma “febre” de auto-estima e orgulho nos itabaianenses, marcando para sempre o inicio de uma paixão entre clube e torcida.

O segundo título estadual seria conquistado no ano de 1973, em pleno estádio Lourival Batista, na capital. Mas foi entre o final da década de 70 e inicio da década de 80 (78, 79, 80, 81 e 82) que o Itabaiana consolidaria sua hegemonia no futebol do Estado, conquistando um inédito pentacampeonato, tendo como responsável direto por tal feito histórico o Sr. José Queiroz da Costa, eterno patrono da equipe, que não medira esforços para obter tais conquistas. Um jejum de 15 anos ocorreu até o próximo título em 1997, quando o Itabaiana derrotou o Confiança, mais uma vez no Batistão. Em casa, no Estádio Presidente Médici, mais um título de campeão sergipano seria conquistado em 2005. Recentemente, em 2012, em campanha histórica, o Tricolor conquistou o seu 10º título estadual.

Vale destacar, ainda, a conquista do Nordestão de 1971, título ainda não reconhecido pela CBF, mas registrado nos anais da história através de diversos jornais e do Boletim Oficial da antiga Confederação Brasileira de Desportos (CBD).

 

Estádio

O Estádio Estadual Presidente Médici com capacidade de onze mil pessoas é onde o Itabaiana manda seus jogos. O nome foi sugestão do então governador de Sergipe, Lourival Baptista, como modo de agradar o então Presidente da República, o militar Emílio Garrastazu Médici. O estádio foi inaugurado em 7 de março de 1971 num jogo do Tricolor Serrano contra o Grêmio/RS.

No dia da inauguração, naquela tarde festiva do dia 7 de março de 1971, a Olímpica de Itabaiana recebeu a visita da equipe do Grêmio de Porto Alegre. Foi uma tarde inesquecível e uma partida de futebol da melhor qualidade, apesar de o público ter voltado para casa sem ver gols, zero a zero foi o resultado final, mesmo com a equipe do Grêmio contando com a presença do tricampeão mundial, o lateral-esquerdo Everaldo, que travou um acirrado duelo com o veloz e habilidoso ponta-direita serrano Edmílson Santos, este não deu vida fácil ao famoso lateral. Estes foram os protagonistas da festa:

ITABAIANA: Marcelo, Augusto, Humberto, Elísio e Messias; Gustinho, Bené e Zequinha; Edmilson, Horácio e Tatica;
Técnico: Alberto Menezes

Grêmio: Jair, Domingos (Espinosa), Di, Beto e Everaldo; Jadir (Júlio Amaral – Ivo), Gaspar e Caio; Flecha, Alcindo (Paraguaio) e Loivo;
Técnico: Otto Glória

FONTES: Revista Placar – Site do clube

 

FONTE: Revista Placar

 

O Sergipe arrancou o empate contra o Itabaiana. Com isso, se sagrou campeão do Quadrangular Suplementar do 2º Turno do Campeonato Sergipano da 1ª Divisão de 1981. Sergipe ficou com 11 pontos, seguido pelo Itabaiana com nove; Contiguiba com três e o Olímpico na lanterna com apenas um ponto ganho.

SERGIPE 3 X 3ITABAIANA

LOCAL: Estádio Lourival Batista, em Aracaju (SE)

CARÁTER: Terceiro turnoúltima rodada – Campeonato Sergipano de 1981

DATA: Domingo, do dia 25 de outubro de 1981

RENDA: Cr$ 1.183.450,00

PÚBLICO: 11.641 pagantes

ÁRBITRO: Antônio Góis(FSF)

SERGIPE:Albertino; Róbson, Itamar, Rubens e Pedrinho; Rui, Luís Carlos e Cícero; Nininho, Dão (Sílvio) e Lauro. Técnico:Dequinha.

ITABAIANA: Marcelo; Esmerino, Luisão, Amauti e Valdir; Gustinho (Ubirani), Misso (Reginaldo) e Deri; Toninho, Angioletti e Florisvaldo. Técnico: Dalino Alvim.

GOLS:Angioletti aos 10 e 14 minutos (Itabaiana); no 1º Tempo. Dão, de pênalti, aos 18 e 33 minutos (Sergipe); Nininho aos 40 minutos (Sergipe); Florisvaldo aos 42 minutos (Itabaiana), no 2º Tempo.

FONTE: Revista Placar

 

 

FONTE: Revista Placar

 

FONTE: Revista Placar

 

Interessante nota publicada no jornal “A República” de Aracaju/SE em sua edição de 12 de agosto de 1932 sobre o primeiro aniversário de fundação do ETEA Futebol Clube, equipe ligada a transportes e energia de Aracaju:

 

 

FONTE: Revista Placar

 

TORNEIO DE 1º ANIVERSÁRIO DA FEDERAÇÃO SERGIPANA DE FUTEBOL DE SALÃO

DATA: 28 DE ABRIL DE 1960

LOCAL: QUADRA DA IATE CLUBE, EM ARACAJU / SE

 

1º JOGO

IATE CLUBE

6-1

COTINGUIBA

2º JOGO

OLÍMPICO

2-1

BNB CLUBE

3º JOGO

DÍNAMO

1-0

AA DE SERGIPE

4º JOGO

IATE CLUBE

2-1

OLÍMPICO

5º JOGO

IATE CLUBE

1-0

DÍNAMO

 

CAMPEÃO – IATE CLUBE DE ARACAJU (ARACAJU – SE)

 

DATA

 

 

LOCAL

CAR

14.01.1973

CONFIANÇA

2

X

1

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

A

21.01.1973

CONFIANÇA

1

X

3

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

A

28.01.1973

CONFIANÇA

0

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

04.02.1973

CONFIANÇA

1

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

11.02.1973

CONFIANÇA

3

X

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

A

15.02.1973

CONFIANÇA

1

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

TT

18.02.1973

CONFIANÇA

2

X

1

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

A

21.02.1973

CONFIANÇA

0

X

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

TT

25.02.1973

CONFIANÇA

3

X

4

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

TT

28.02.1973

CONFIANÇA

1

X

1

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

TT

11.03.1973

CONFIANÇA

3

X

1

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

18.03.1973

CONFIANÇA

3

X

1

MARUINENSE (MARUIM-SE)

ARACAJU – SE

CS

28.03.1973

CONFIANÇA

1

X

3

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

01.04.1973

CONFIANÇA

1

X

2

CONQUISTA (VITÓRIA DA CONQUISTA-BA)

VITÓRIA DA CONQUISTA – BA

A

04.04.1973

CONFIANÇA

2

X

0

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

08.04.1973

CONFIANÇA

1

X

3

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

22.04.1973

CONFIANÇA

2

X

1

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

25.04.1973

CONFIANÇA

1

X

1

MARUINENSE (MARUIM-SE)

ARACAJU – SE

CS

01.05.1973

CONFIANÇA

0

X

0

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

09.05.1973

CONFIANÇA

2

X

2

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

17.05.1973

CONFIANÇA

2

X

0

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

20.05.1973

CONFIANÇA

0

X

2

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

23.05.1973

CONFIANÇA

1

X

2

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

27.05.1973

CONFIANÇA

X

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

A

10.06.1973

CONFIANÇA

0

X

3

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

CS

17.06.1973

CONFIANÇA

3

X

4

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

24.06.1973

CONFIANÇA

0

X

2

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

CS

27.06.1973

CONFIANÇA

2

X

2

AMÉRICA (PROPRIÁ-SE)

ARACAJU – SE

CS

01.07.1973

CONFIANÇA

1

X

2

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

08.07.1973

CONFIANÇA

1

X

1

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

15.07.1973

CONFIANÇA

1

X

0

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

CS

22.07.1973

CONFIANÇA

0

X

0

AMÉRICA (PROPRIÁ-SE)

PROPRIÁ –S E

CS

29.07.1973

CONFIANÇA

0

X

1

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

CS

05.08.1973

CONFIANÇA

1

X

2

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

19.08.1973

CONFIANÇA

2

X

0

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

26.08.1973

CONFIANÇA

X

MARUINENSE (MARUIM-SE)

ARACAJU – SE

A

02.09.1973

CONFIANÇA

0

X

1

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

A

16.09.1973

CONFIANÇA

2

X

0

MARUINENSE (MARUIM-SE)

ARACAJU – SE

A

28.10.1973

CONFIANÇA

1

X

1

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

PROPRIÁ – SE

A

03.11.1973

CONFIANÇA

X

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

A

11.11.1973

CONFIANÇA

0

X

1

INTERNACIONAL (PÃO DE AÇÚCAR-AL)

PÃO DE AÇÚCAR – AL

A

02.12.1973

CONFIANÇA

0

X

1

A.S.A. (ARAPIRACA-AL)

ARAPIRACA – AL

A

09.12.1973

CONFIANÇA

0

X

0

A.S.A. (ARAPIRACA-AL)

ARACAJU – SE

A

16.12.1973

CONFIANÇA

0

X

1

BOTAFOGO (SALVADOR-BA)

SALVADOR – BA

A

CS – CAMPEONATO SERGIPANO
A – AMISTOSO
TT – TORNEIO TRIANGULAR

 

Esporte Clube Propriá é um clube de futebol brasileiro, da cidade de Propriá, no estado de Sergipe. Foi fundado dia 12 de outubro de 1911 como Sergipe Foot-Ball Club, alterando para a atual denominação em 1956. Suas cores são o azul e o branco. Sua sede se localiza no endereço: Rua Arthur de Melo s/n CEP 49900-000 Propriá/SE.

O Esporte Clube Propriá é um dos mais antigos clubes dedicados ao futebol de Sergipe. Sendo o mais velho do Interior Foi fundado em 1913, com o nome de Sergipe Foot-Ball Club , e mudou a denominação quando se filiou à LSEA (atual FSF). Mas o clube propriaense não teve uma permanência constante na primeira linha do futebol sergipano.

Somente no final da década de 1940 é que começou a participar do Campeonato do Interior, conseguindo apenas alguns títulos da “Zona Norte” do Estado. Inscreveu-se no primeiro certame profissional (1960). conquistou dois títulos estaduais na segunda divisão do sergipano, o primeiro em 1964,o outro quando foi campeão invicto em 1983.

Algumas vezes deixou de disputar o campeonato e, junto com o seu co-irmão, o América, atravessou um período de séria crise financeira, culminando com a fusão de ambos, formando, em 1991, o União, de Propriá, que, entretanto, teve vida breve. Atualmente está tentando seu retorno a série A do sergipano.

Desempenho em competições oficiais

Campeonato Sergipano
Ano 1970 1971 1972 1973 1974 1975 1976 1977 1978 1979
Pos. 11º 10º 11º
Ano 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989
Pos.
Ano 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999
Pos. 10º
Ano 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009
Pos. 11º 12º -
Campeonato Sergipano (Série A2)
Ano 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999
Pos.
Ano 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009
Pos. 10º
Ano 2010 2011 2012 2015
Pos. 11º 11º

FONTES: Wikipédia – Página do clube no Facebook

 

DATA

 

 

LOCAL

CAR

17.01.1971

CONFIANÇA

0

X

0

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

A

24.01.1971

CONFIANÇA

2

X

1

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

A

31.01.1971

CONFIANÇA

0

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

07.02.1971

CONFIANÇA

1

X

1

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

14.02.1971

CONFIANÇA

1

X

3

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

27.02.1971

CONFIANÇA

3

X

0

SOCIALISTA (MARUIM-SE)

ARACAJU – SE

A

06.03.1971

CONFIANÇA

X

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

13.03.1971

CONFIANÇA

1

X

2

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

10.03.1971

CONFIANÇA

X

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

21.03.1971

CONFIANÇA

1

X

0

AMÉRICA (PROPRIÁ-SE)

PROPRIÁ – SE

CS

31.03.1971

CONFIANÇA

1

X

2

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

ARACAJU – SE

CS

11.04.1971

CONFIANÇA

1

X

1

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

CS

18.04.1971

CONFIANÇA

1

X

1

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

21.04.1971

CONFIANÇA

1

X

0

C.R.B. (MACEIÓ-AL)

ARACAJU – SE

A

25.04.1971

CONFIANÇA

1

X

2

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

CS

28.04.1971

CONFIANÇA

0

X

2

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

02.05.1971

CONFIANÇA

0

X

1

FERROVIÁRIO (MACEIÓ-AL)

ARACAJU – SE

A

05.05.1971

CONFIANÇA

2

X

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

CS

09.05.1971

CONFIANÇA

1

X

2

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

19.05.1971

CONFIANÇA

0

X

0

C.R.B. (MACEIÓ-AL)

MACEIÓ – AL

A

23.05.1971

CONFIANÇA

2

X

1

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

26.05.1971

CONFIANÇA

3

X

1

SOCIALISTA (MARUIM-SE)

ARACAJU – SE

CS

30.05.1971

CONFIANÇA

2

X

0

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

CS

09.06.1971

CONFIANÇA

2

X

3

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

TQ

13.06.1971

CONFIANÇA

2

X

2

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

TQ

16.06.1971

CONFIANÇA

1

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

20.06.1971

CONFIANÇA

2

X

0

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

PROPRIÁ – SE

CS

22.06.1971

CONFIANÇA

5

X

0

AMÉRICA (PROPRIÁ-SE)

ARACAJU – SE

CS

27.06.1971

CONFIANÇA

3

X

1

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

30.06.1971

CONFIANÇA

1

X

0

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ARACAJU – SE

CS

04.07.1971

CONFIANÇA

0

X

2

OLARIA (RIO DE JANEIRO-RJ)

ARACAJU – SE

A

11.07.1971

CONFIANÇA

2

X

1

SOCIALISTA (MARUIM-SE)

ARACAJU – SE

CS

18.07.1971

CONFIANÇA

0

X

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

CS

22.07.1971

CONFIANÇA

4

X

1

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

25.07.1971

CONFIANÇA

0

X

1

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

CS

29.07.1971

CONFIANÇA

3

X

1

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ARACAJU – SE

CS

01.08.1971

CONFIANÇA

2

X

0

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

04.08.1971

CONFIANÇA

1

X

2

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

CB

08.08.1971

CONFIANÇA

0

X

4

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CB

15.08.1971

CONFIANÇA

3

X

3

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

CB

18.08.1971

CONFIANÇA

2

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CB

24.08.1971

CONFIANÇA

0

X

3

RIO BRANCO (VITÓRIA-ES)

ARACAJU – SE

A

29.08.1971

CONFIANÇA

1

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

03.09.1971

CONFIANÇA

1

X

0

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

A

05.09.1971

CONFIANÇA

1

X

3

BONSUCESSO (RIO DE JANEIRO-RJ)

ARACAJU – SE

A

07.09.1971

CONFIANÇA

0

X

0

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

A

12.09.1971

CONFIANÇA

2

X

2

ATLÉTICO (ALAGOINHAS-BA)

ALAGOINHAS – BA

A

19.09.1971

CONFIANÇA

2

X

1

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

PROPRIÁ – SE

CS

22.09.1971

CONFIANÇA

1

X

1

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

03.10.1971

CONFIANÇA

2

X

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

CS

10.10.1971

CONFIANÇA

0

X

2

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

12.10.1971

CONFIANÇA

1

X

1

TREZE (CAMPINA GRANDE-PB)

ARACAJU – SE

A

17.10.1971

CONFIANÇA

2

X

2

ICASA (JUAZEIRO DO NORTE-CE)

JUAZEIRO DO NORTE – CE

A

19.10.1971

CONFIANÇA

3

X

2

ESPORTE (PATOS-PB)

PATOS – PB

A

21.10.1971

CONFIANÇA

3

X

2

TREZE (CAMPINA GRANDE-PB)

CAMPINA GRANDE – PB

A

27.10.1971

CONFIANÇA

2

X

2

LAGARTO (LARGATO-SE)

ARACAJU – SE

A

31.10.1971

CONFIANÇA

1

X

0

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

A

07.11.1971

CONFIANÇA

2

X

3

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

14.11.1971

CONFIANÇA

1

X

1

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

A

17.11.1971

CONFIANÇA

3

X

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

A

20.11.1971

CONFIANÇA

1

X

0

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

01.12.1971

CONFIANÇA

1

X

2

C.S.A. (MACEIÓ-AL)

ARACAJU – SE

A

12.12.1971

CONFIANÇA

2

X

0

C.S.A. (MACEIÓ-AL)

ARACAJU – SE

A

15.12.1971

CONFIANÇA

2

X

2

C.S.A. (MACEIÓ-AL)

MACEIÓ – AL

A

19.12.1971

CONFIANÇA

3

X

2

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

CS

CS – CAMPEONATO SERGIPANO
A – AMISTOSO
TQ – TORNEIO QUADRANGULAR DA SOLIDARIEDADE

 

DATA

 

 

LOCAL

CAR

21.01.1950

CONFIANÇA

7

x

1

OLÍMPICO (ARACJU-SE)

ARACAJU – SE

A

12.02.1950

CONFIANÇA

6

x

4

PALESTRA (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

26.02.1950

CONFIANÇA

2

x

4

VITÓRIA (SALVADOR-BA)

ARACAJU – SE

A

19.03.1950

CONFIANÇA

1

x

0

SANTA CRUZ (RECIFE-PE)

RECIFE – PE

A

23.03.1950

CONFIANÇA

3

X

5

NÁUTICO (RECIFE-PE)

RECIFE – PE

A

26.03.1950

CONFIANÇA

3

X

2

AMÉRICA (RECIFE-PE)

RECIFE – PE

A

29.03.1950

CONFIANÇA

1

x

4

SANTA CRUZ (RECIFE-PE)

RECIFE – PE

A

08.06.1950

CONFIANÇA

3

x

3

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

16.07.1950

CONFIANÇA

4

x

0

COTINGUIBA (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

23.07.1950

CONFIANÇA

2

x

0

AA ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

A

13.08.1950

CONFIANÇA

4

x

2

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

10.09.1950

CONFIANÇA

1

x

3

PAULISTANO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

26.09.1950

CONFIANÇA

4

x

1

C.S.A. (MACEIÓ-AL)

ARACAJU – SE

A

01.10.1950

CONFIANÇA

1

x

2

OLÍMPICO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

15.10.1950

CONFIANÇA

2

x

1

PALESTRA (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

17.11.1950

CONFIANÇA

0

x

1

GALÍCIA (SALVADOR-BA)

ARACAJU – SE

A

03.12.1950

CONFIANÇA

7

X

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

CS – CAMPEONATO SERGIPANO
A – AMISTOSO

 

DATA

 

 

LOCAL

CAR

29.01.1984

CONFIANÇA

1

x

3

ABC (NATAL-RN)

NATAL – RN

CB

01.02.1984

CONFIANÇA

0

x

2

SANTOS (SANTOS-SP)

ARACAJU – SE

CB

05.02.1984

CONFIANÇA

0

x

1

FERROVIÁRIO (FORTALEZA-CE)

FORTALEZA – CE

CB

12.02.1984

CONFIANÇA

0

x

1

FLUMINENSE (RIO DE JANEIRO-RJ)

ARACAJU – SE

CB

15.02.1984

CONFIANÇA

4

X

1

FERROVIÁRIO (FORTALEZA-CE)

ARACAJU – SE

CB

19.02.1984

CONFIANÇA

0

X

2

FLUMINENSE (RIO DE JANEIRO-RJ)

RIO DE JANEIRO – RJ

CB

26.02.1984

CONFIANÇA

0

x

1

ABC (NATAL-RN)

ARACAJU – SE

CB

29.02.1984

CONFIANÇA

0

x

3

SANTOS (SANTOS-SP)

SANTOS – SP

CB

18.03.1984

CONFIANÇA

1

x

0

VASQUINHO (MACAMBIRA-SE)

MACAMBIRA – SE

A

25.03.1984

CONFIANÇA

2

x

0

CORINTHIANS (FREI PAULO-SE)

FREI PAULO – SE

A

28.03.1984

CONFIANÇA

0

x

1

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

A

01.04.1984

CONFIANÇA

x

JUVENTUS (CARIRA-SE)

CARIRA – SE

A

13.04.1984

CONFIANÇA

1

x

1

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

CS

15.04.1984

CONFIANÇA

2

x

1

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

CS

22.04.1984

CONFIANÇA

1

x

0

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

CS

29.04.1984

CONFIANÇA

0

x

1

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

CS

01.05.1984

CONFIANÇA

0

x

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

A

06.05.1984

CONFIANÇA

3

x

1

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

20.05.1984

CONFIANÇA

3

x

0

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

PROPRIÁ – SE

CS

27.05.1984

CONFIANÇA

1

x

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

10.06.1984

CONFIANÇA

2

x

0

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

CS

16.06.1984

CONFIANÇA

0

x

0

MARUINENSE (MARUIM-SE)

MARUIM – SE

A

21.06.1984

CONFIANÇA

0

x

1

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ARACAJU – SE

CS

24.06.1984

CONFIANÇA

0

x

4

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

CS

01.07.1984

CONFIANÇA

0

x

2

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ARACAJU – SE

CS

08.07.1984

CONFIANÇA

1

x

0

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

14.07.1984

CONFIANÇA

9

x

0

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

ARACAJU – SE

CS

22.07.1984

CONFIANÇA

0

x

1

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

29.07.1984

CONFIANÇA

1

x

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

LAGARTO – SE

CS

05.08.1984

CONFIANÇA

3

x

5

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ARACAJU – SE

CS

12.08.1984

CONFIANÇA

0

x

0

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA –SE

CS

19.08.1984

CONFIANÇA

0

x

1

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

PROPRIÁ – SE

CS

26.08.1984

CONFIANÇA

0

x

2

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

CS

02.09.1984

CONFIANÇA

1

x

1

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

09.09.1984

CONFIANÇA

1

x

1

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

16.09.1984

CONFIANÇA

2

x

2

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ARACAJU – SE

CS

23.09.1984

CONFIANÇA

5

x

1

RIO BRANCO (CAPELA-SE)

CAPELA – SE

A

30.09.1984

CONFIANÇA

1

x

0

VASCO (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

07.10.1984

CONFIANÇA

0

x

2

ITABAIANA (ITABAIANA-SE)

ITABAIANA – SE

CS

13.10.1984

CONFIANÇA

2

x

0

PROPRIÁ (PROPRIÁ-SE)

ARACAJU – SE

CS

21.10.1984

CONFIANÇA

4

x

2

LAGARTO (LAGARTO-SE)

ARACAJU – SE

CS

27.10.1984

CONFIANÇA

0

x

0

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ARACAJU – SE

CS

04.11.1984

CONFIANÇA

0

x

3

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

11.11.1984

CONFIANÇA

x

CRUZEIRO (SIMÃO DIAS)

SIMÃO DIAS – SE

A

18.11.1984

CONFIANÇA

0

X

1

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ARACAJU – SE

CS

21.11.1984

CONFIANÇA

0

x

0

ESTANCIANO (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

CS

25.11.1984

CONFIANÇA

3

x

0

SANTA CRUZ (ESTÂNCIA-SE)

ESTÂNCIA – SE

CS

02.12.1984

CONFIANÇA

1

x

0

SERGIPE (ARACAJU-SE)

ARACAJU – SE

CS

09.12.1984

CONFIANÇA

0

x

1

MARUINENSE (MARUIM-SE)

MARUIM – SE

A

 

CB – CAMPEONATO BRASILEIRO

CS – CAMPEONATO SERGIPANO

A – AMISTOSO

 

GRUPO 1

 

EQUIPE

CIDADE

001

ATLÉTICO CLUBE BONFIM ESTÂNCIA

002

ESTANCIANO ESPORTE CLUBE ESTÂNCIA

003

ESPORTE CLUBE SANTA CRUZ ESTÂNCIA

 

GRUPO 2

 

EQUIPE

CIDADE

001

ASSOCIAÇÃO BOQUINHENSE DE DESPORTOS BOQUIM

002

CRUZEIRO FUTEBOL CLUBE SIMÃO DIAS

003

LAGARTO ESPORTE CLUBE LAGARTO

 

GRUPO 3

 

EQUIPE

CIDADE

001

ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA COTINGUIBA LARANJEIRAS

002

LARANJEIRENSE FUTEBOL CLUBE LARANJEIRAS

003

NÁUTICO ESPORTE CLUBE SÃO CRISTÓVÃO

 

GRUPO 4

 

EQUIPE

CIDADE

001

BOTAFOGO FUTEBOL CLUBE SANTO AMARO DE BROTAS

002

INDUSTRIAL FUTEBOL CLUBE MARUIM

003

RIACHUELO FUTEBOL CLUBE RIACHUELO

 

GRUPO 5

 

EQUIPE

CIDADE

001

AMÉRICA FUTEBOL CLUBE PROPRIÁ

002

BONFIM ESPORTE CLUBE NEÓPOLIS

003

DORENSE FUTEBOL CLUBE NOSSA SENHORA DAS DORES

004

FLAMENGO FUTEBOL CLUBE NOSSA SENHORA DAS DORES

005

NEÓPOLIS ESPORTE CLUBE NEÓPOLIS

006

RIO BRANCO ESPORTE CLUBE CAPELA

 

GRUPO 6

 

EQUIPE

CIDADE

001

ASSOCIAÇÃO OLÍMPICA ITABAIANA ITABAIANA

002

CANTAGALO ESPORTE CLUBE ITABAIANA

003

PAULISTANO FUTEBOL CLUBE FREI PAULO

 

GRUPO 7

 

EQUIPE

CIDADE

001

CLUBE ESPORTIVO AGAMENON MAGALHÃES ARACAJU

002

ESPORTE CLUBE CRUZEIRO ARACAJU

003

ESPORTE CLUBE FLAMENGO ARACAJU

004

ONZE PERIGOS FUTEBOL CLUBE ARACAJU

005

PALESTRA FUTEBOL CLUBE ARACAJU

006

PAULISTANO FUTEBOL CLUBE ARACAJU
© 2017 História do Futebol Suffusion theme by Sayontan Sinha